FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Fatores Associados a Mortalidade Cirúrgica em Pacientes com COVID-19

Autor:

Lucas Santos Zambon

Doutorado pela Disciplina de Emergências Clínicas Faculdade de Medicina da USP; Médico e Especialista em Clínica Médica pelo HC-FMUSP; Diretor Científico do Instituto Brasileiro para Segurança do Paciente (IBSP); Membro da Academia Brasileira de Medicina Hospitalar (ABMH); Assessor da Diretoria Médica do Hospital Samaritano de São Paulo.

Última revisão: 24/08/2020

Comentários de assinantes: 0

Contexto Clínico

 

Oshospitais têm mudado muito seus fluxos e organização de atendimento na vigênciada pandemia não só para se adequarem aos casos de Covid-19, mas também paramanterem a assistência das demais condições clínicas, incluindo aquelas detratamento cirúrgico. É fato que a maioria das cirurgias eletivas foiinterrompida, mas pacientes com Covid-19 eventualmente precisam ser submetidosa cirurgias de urgência ou emergência. Existem dados limitados sobre as taxasde mortalidade e complicações em pacientes com Covid-19 que são submetidos acirurgia.

 

O Estudo

 

Este é um estudo do tipo coorte retrospectiva quefoi realizado nas unidades de cirurgia geral, vascular, torácica, ortopédica eneurocirurgia do Hospital Spedali Civili (Brescia, Itália) e incluiu pacientesque foram submetidos a tratamento cirúrgico entre 23 de fevereiro a 1º de abrilde 2020 e tiveram resultados positivos para Covid-19 antes ou dentro de umasemana após a cirurgia. Procedimentos cirúrgicos ginecológicos e menores foramexcluídos. Pacientes com Covid-19 foram pareados com pacientes sem Covid-19 comproporção de 1:2 para sexo, faixa etária, escore da Sociedade Americana deAnestesiologistas (ASA) e comorbidades registradas na calculadora de riscocirúrgico do Programa Nacional de Melhoria da Qualidade Cirúrgica do ColégioAmericano de Cirurgiões. Pacientes com mais de 65 anos também foram comparadoscom o escore da Escala de Fragilidade Clínica.

A triagem para Covid-19 foi realizada com RT-PCR de swabnasofaríngeo, radiografia de tórax e/ou tomografia computadorizada. Odiagnóstico de Covid-19 foi baseado na positividade de pelo menos uma dessasinvestigações. O desfecho primário avaliado foi mortalidade cirúrgica precoce ecomplicações em pacientes com Covid-19. No estudo, dos 41 pacientes operadosemergencialmente, 33 tinham sido diagnosticados com Covid-19 no pré-operatórioe 8 tiveram resultado positivo no prazo de cinco dias após o procedimento.

A mortalidade em 30 dias foi significativamentemaior para aqueles com Covid-19 em comparação com pacientes controle (oddsratio de 9,5; IC 95%, 1,77-96,53). Além disso, pacientes com Covid-19tiveram maiores chances de complicações pulmonares (odds ratio de 35,62;IC 95%, 9,34-205,55) e de complicações trombóticas (odds ratio de 13,2;IC 95%, 1,48-8). Diferentes modelos identificaram a Covid-19 como a principalvariável associada a essas complicações.

 

Aplicação Prática

 

Neste estudo de coorte pareado, a mortalidadecirúrgica e as complicações foram maiores em pacientes com Covid-19 emcomparação com pacientes sem Covid-19. Esses dados sugerem que, sempre quepossível, a cirurgia deve ser adiada em pacientes com Covid-19.

A despeito de o estudo ser apenas observacional, compoder de apenas gerar hipóteses, é possível interpretar que o estressecirúrgico seja fator importante para a evolução dos casos de Covid-19. Em umambiente dinâmico como o que vivemos atualmente, e ainda sem evidências maiscontundentes como os ensaios clínicos, podemos tirar como lição a potencialnecessidade de pesquisar a infecção por coronavírus ativamente em pacientescandidatos a procedimentos cirúrgicos na fase pré-operatória com RT-PCR. Paraos casos positivos, parece sensato adiar aquilo que é extremamente eletivo e,nos casos de urgência, preparar o paciente para potenciais riscos nopós-operatório.

 

 

Bibliografia

 

1.            Doglietto F, Vezzoli M, Gheza F, et al.Factors Associated With Surgical Mortality and Complications Among PatientsWith and Without Coronavirus Disease 2019 (COVID-19) in Italy. JAMA Surg.Published online June 12, 2020.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.