FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Estrógenos

Última revisão: 17/09/2015

Comentários de assinantes: 0

Reproduzido de:

Formulário Terapêutico Nacional 2010: Rename 2010 [Link Livre para o Documento Original]

Série B. Textos Básicos de Saúde

MINISTÉRIO DA SAÚDE

Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos

Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos

Brasília / DF – 2010

 

         17.4 Hormônios sexuais, antagonistas e medicamentos relacionados

 

17.4.1 Estrogênios

Estriol é aplicado sob forma de creme vaginal, para obtenção de melhora de sintomas urogenitais decorrentes de atrofia vaginal. Tem pequena absorção sistêmica e curta meia-vida, com menos efeitos adversos. Dose única diária, por tempo curto, não acarreta proliferação endometrial. Revisão sistemática Cochrane de 19 estudos comparou eficácia, segurança e aceitação de várias preparações estrogênicas no alívio dos sintomas urogenitais. Cremes, pessários, comprimidos e anel vaginal mostraram a mesma eficácia e superaram o placebo e um gel não-hormonal (ver monografia, página 672).

Estrogênios conjugados. Na última década, o enfoque da terapia de reposição hormonal (TRH) mudou, abandonando-se o seu uso prolongado para prevenção de doença cardiovascular, osteoporose e demência, pois tais indicações tinham por base estudos de observação. Atualmente recomenda-se utilizar a menor dose efetiva e reavaliar periodicamente o tratamento. No entanto, ainda se indicam estrogênios isolados ou combinados a progestogênios para controle de distúrbios vasomotores (fogachos), devendo ser prescritos por curto prazo a mulheres mais jovens e relativamente sadias. Para os sintomas urogenitais, estrogênios isolados têm preferência, mas seu uso prolongado aumenta o risco de hiperplasia do endométrio. Revisão sistemática Cochrane de 15 ensaios com estrogênios isolados ou combinados a progestogênios versus placebo mostrou aumento do risco de tromboembolismo venoso e evento coronariano (depois de um ano de uso), evento cerebrovascular (após de 3 anos), câncer de mama (após de 5 anos) e doença da vesícula biliar; em mulheres sadias acima de 65 anos, aumentou de modo significante a incidência de demência. Uso em longo prazo de estrogênios isolados esteve relacionado a aumento do risco de tromboembolismo venoso, doença cerebrovascular e doença da vesícula biliar; os únicos benefícios estatisticamente significantes foram a redução da incidência de fraturas e (para a TRH combinada) de câncer de cólon. Em revisão Cochrane, a eficácia de diversas preparações estrogênicas no alívio de sintomas de atrofia vaginal foi confirmada, mas um dos estudos mostrou efeitos adversos significantes (sangramento uterino, dor mamária e dor no períneo) com creme de estrogênios conjugados, comparado a forma oral; outro estudo encontrou significante superestimulação do endométrio quando creme de estrogênios conjugados foi comparado a anel vaginal contendo estradiol (ver monografia, página 673).

 

SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO

Consta no documento:

“Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”

O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal