FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Ivermectina

Última revisão: 02/02/2010

Comentários de assinantes: 0

>Reproduzido de:>>>>>

>Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [>Link Livre para o Documento Original>>]>>>>>

>Série B. Textos Básicos de Saúde>>>>>

>MINISTÉRIO DA SAÚDE>>>>>

>Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos>>>>>

>Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos>>>>>

>Brasília / DF2008>>>>>

>>> >>>>

>>Ivermectina>>>>>

>> >>>

>César Augusto Braum>>>>>

>>> >>>>

>>Na Rename 2006: itens 5.6.1 e 5.6.2.6>>>>>

>>> >>>>

>>APRESENTAÇÃO>>>>>>>

>      >>>Comprimidos de 6 mg.>>>>

>>> >>>>

>>INDICAÇÕES>1-6,13>>>>>>>>

>      >>>Infecções helmínticas causadas por nematódios (>Onchocerca volvulus>, >Strongyloides stercoralis>).>>>>

>      >>>Filaríase linfática por >Wuchereria bancrofti>.>>>>

>      >>>Larva >migrans >cutânea.>>>>

>      >>>Pediculose de couro cabeludo.>>>>

>      >>>Escabiose.>>>>

>>> >>>>

>>CONTRA-INDICAÇÃO>13>>>>>>>>

>      >>>Hipersensibilidade ao fármaco.>>>>

>>> >>>>

>>PRECAUÇÕES>1,4-6,13>>>>>>>>

>      >>>O uso de anti-histamínicos ou corticosteróides reduz as reações alérgicas ocasionadas pela desintegração das microfilárias.>>>>

>      >>>Não está definida a segurança em crianças pesando menos de 15 kg.>>>>

>      >>>Fator de risco na gravidez (FDA): C.>>>>

>>> >>>>

>>ESQUEMAS DE ADMINISTRAÇÃO>1-6,13>>>>>>>>

>Adultos e Crianças Maiores de 5 Anos (Acima de 15 kg)>>

>>Tratamento de Oncocercose>>>>>>>

>      >>>Dar 150 microgramas/kg, por via oral, em dose única. A dose pode ser repetida a cada 6 ou 12 meses.>>>>

>>> >>>>

>>Programa de Eliminação de Oncocercose>>>>>>>

>      >>>Dar 150 microgramas/kg, por via oral, em dose única, anual ou bianual.>>>>

>>> >>>>

>>Tratamento de Estrongiloidíase>>>>>>>

>      >>>Dar 200 microgramas/kg, por via oral, em dose única ou durante 2 dias. Doses adicionais não são necessárias, exceto em pacientes imunodeprimidos, nos quais a terapia pode ser repetida após duas semanas.>>>>

>>> >>>>

>>Tratamento de Filaríase Linfática>>>>>>>

>      >>>De 150 a 400 microgramas/kg, por via oral, em dose única.>>>>

>>> >>>>

>>Programa de Controle de Filaríase>>>>>>>

>      >>>Dar 200 microgramas/kg, por via oral, em conjunto com 400 mg de albendazol, por via oral, em dose única anual.>>>>

>>> >>>>

>>Larva migrans >>Cutânea>>>>>>>

>      >>>De 150 a 200 microgramas/kg, por via oral, uma vez ao dia, durante 1 a 2 dias.>>>>

>>> >>>>

>>Pediculose capitis>>>>>>>>

>      >>>Dar 200 microgramas/kg, por via oral, em dose única, repetindo o tratamento no e no 10º dia ou após 7 e 14 dias, ou 300 microgramas/kg, por via oral, em dose única, repetida após 1 semana.>>>>

>>> >>>>

>>Pediculose pubis>>>>>>>>

>      >>>Dar 200 microgramas/kg, por via oral, em dose única, repetida após 10 e 14 dias, ou 250 microgramas/kg, por via oral, em dose única, repetida após 1 semana.>>>>

>>> >>>>

>>Escabiose>>>>>>>

>      >>>Dar 200 microgramas/kg, por via oral, em dose única ou 250-300 microgramas/kg, por via oral, em dose única, repetida após 7 e 14 dias. O tratamento de todos os membros da família é aconselhado.>>>>

>>> >>>>

>>ASPECTOS FARMACOCINÉTICOS CLINICAMENTE RELEVANTES>4-6,13>>>>>>>>

>      >>>Absorção oral rápida.>>>>

>      >>>Pico de concentração plasmática: 4 horas.>>>>

>      >>>Meia-vida: 18 a 35 horas.>>>>

>      >>>Em oncocercose, a resposta inicial acontece após 2 semanas, e o pico de resposta ocorre após 3 a 6 meses.>>>>

>      >>>Metabolismo: hepático.>>>>

>      >>>Excreção: fezes (durante mais de 12 dias) e urina (menos de 1%).>>>>

>>> >>>>

>>EFEITOS ADVERSOS>1,4-6,13>>>>>>>>

>      >>>Diarréia, náusea, vômito, dor abdominal.>>>>

>      >>>Elevação sérica das enzimas hepáticas.>>>>

>      >>>Reação de Mazzotti em indivíduos infectados, causada por morte de microfilárias e caracterizada por artralgia ou mialgia, febre, linfoadenopatia, prurido, erupções cutâneas, taquicardia, hipotensão e alterações oftálmicas.>>>>

>      >>>Dor de cabeça, tontura, desmaios, insônia, tremores, sonolência, ataxia, midríase, letargia.>>>>

>>> >>>>

>>INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS>5>>>>>>>>

>      >>>Aumento de efeito: depressores do sistema nervoso central.>>>>

>>> >>>>

>>ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES>5>>>>>>>>

>      >>>Orientar para ingerir o medicamento com 250 mL de água e com o estômago vazio.>>>>

>      >>>Orientar para notificar se houver suspeita de gravidez e a ocorrência de amamentação natural.>>>>

>>> >>>>

>>ASPECTOS FARMACÊUTICOS>4-6,13>>>>>>>>

>      >>>Os comprimidos devem ser armazenados a temperatura inferior a 30°C e abrigo de luz e umidade.>>>>

>> >>>

>SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO>>

>Consta no documento:>>>>

>Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”>>>>

>O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal