FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Pancurônio

Pancurônio (Injetável) (substância ativa)

Referência: Pancuron (Cristália)

Genérico: assinalado com G

 

brometo de pancurônio

Uso injetável

Injetável (solução) 4 mg/2 mL: Pancuron; G

 

Armazenagem antes de aberto

Refrigeração (2-8°C).

 

O que é

relaxante muscular esquelético [bloqueador neuromuscular não despolarizante].

 

Para que serve

relaxamento muscular durante anestesia.

 

Como age

antagoniza a acetilcolina, ligando-se competitivamente aos receptores colinérgicos da placa motora, bloqueando a transmissão neuromuscular.

 

Como se usa

Uso injetável – Preparacão

•só deve ser aplicado sob supervisão médica direta, em locais com recursos para atender emergências respiratórias.

•não misturar, na mesma seringa, com barbituratos ou outras soluções alcalinas.

 

Brometo de Pancurônio (solução) 4 mg/ 2 mL – Via intravenosa direta

Estabilidade após aberto

Uso imediato.

Tempo de injeção: injetar lentamente em uma linha intravenosa de fluxo livre com Cloreto de Sódio 0,9%.

 

Brometo de Pancurônio (solução) 4 mg/ 2 mL – Infusão intravenosa (através de bomba de infusão)

Diluição

Diluente: Cloreto de Sódio 0,9% ou Glicose 5%.

Estabilidade após diluição com Cloreto de Sódio 0,9% ou Glicose 5%

temperatura ambiente (15-30ºC): 48 h.

Tempo de infusão: 0,01 a 0,03 mg/kg/minuto.

 

Uso injetável – Doses

• doses em termos de brometo de Pancurônio.

Adultos e crianças acima de 1 mês de idade

dose de ataque (por via intravenosa direta): 0,06 a 0,1 mg/kg, em 5 segundos.

manutenção (por infusão intravenosa através de bomba de infusão): 2 mg para cada 20 mL de Glicose 5%, administrados a 0,01 a 0,03 mg/kg/minuto.

Idosos: podem requerer doses menores em função da condição renal.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe C

 

Amamentação

não se sabe se é eliminado no leite. Problemas não documentados.

 

Não usar o produto

alergia ao produto, álcool benzílico ou brometo; taquicardia pré-existente.

 

Avaliar riscos x Benefícios

doença neuromuscular; miastenia grave; síndrome de Eaton-Lambert; doença pulmonar; doença hepática; doença biliar; doença renal; doença cardiovascular; doença endócrina; circulação diminuída; desequilíbrio eletrolítico; desidratação; obesidade; diminuição da temperatura do corpo; estado febril; carcinomatose; trauma ou queimaduras extensas; paralisia cerebral; caquexia; paciente debilitado; recém-nascido; uso prolongado.

 

Reações mais comuns (sem incidência definida)

Cardiovascular: pulso acelerado; pressão elevada; débito cardíaco elevado; discreta elevação na pressão arterial.

Outros: fraqueza muscular; salivação excessiva.

 

Atenção com outros produtos

O Pancurônio

•pode ter sua ação aumentada por: quinidina; procainamida.

•pode aumentar a atividade bloqueadora neuromuscular de: polimixina.

•pode aumentar os efeitos de: digitálico.

 

Outras considerações importantes

• o produto não tem ação analgésica ou sedativa.

REMÉDIOS COM PANCURÔNIO EM SUA COMPOSIÇÃO

Pancuron
Pavulon

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal