FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Azatioprina

AZATIOPRINA (ORAL) (nome genérico) (substância ativa)

 

Referência

IMURAN (GlaxoSmithKline)

 

Genérico

Não

 

Similar

IMUNEM (Cristália); IMUSSUPREX (Sigma Pharma)

 

Uso oral

Comprimido 50 mg

IMURAN

 

O que é

Imunossupressor [6-mercaptopurina (derivado); antagonista da purina].

 

Para que serve

Anemia hemolítica auto-imune; artrite reumatoide grave; dermatomiosite; hepatite crônica autoimune; lupus eritematoso sistêmico; pênfigo; poliarterite nodosa; polimiosite; púrpura trombocitopênica crônica.

 

Como age

Inibe a síntese de purina nas células, suprimindo a hipersensibilidade mediada por células. Altera também a produção de anticorpos e pode diminuir a inflamação.

 

Como se usa

USO ORAL – DOSES

     doses em termos de AZATIOPRINA.

 

Adultos

1.   Imunossupressor (no transplante renal)

     dose inicial: 3 a 5 mg por kg de peso corporal por dia, em dose única, iniciando no dia do transplante ou mesmo de 1 a 3 dias antes dele.

     dose de manutenção: 1 mg a 3 mg por kg de peso corporal por dia.

     artrite reumatoide grave: iniciar com 1 mg por kg de peso corporal (cerca de 50 a 100 mg) por dia, em dose única ou fracionada em 2 tomadas. Após 6 a 8 semanas, se a resposta for insatisfatória, a dose pode ser aumentada em 0,5 mg por kg de peso corporal, com intervalos de 4 semanas até um máximo de 2,5 mg por kg de peso corporal por dia. A dose de manutenção deve ser a menor dose efetiva possível. Se após 12 semanas não houver resposta satisfatória, descontinuar o uso.

 

Crianças

2.   Imunossupressor (no transplante renal):

     dose inicial: 3 a 5 mg por kg de peso corporal por dia, iniciando no dia do transplante ou mesmo de 1 a 3 dias antes dele.

     dose de manutenção: 1 a 3 mg por kg de peso corporal por dia.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe D.

 

Amamentação

Eliminado no leite em pequenas quantidades; pelo risco de efeitos adversos na criança (tumores), não amamentar.

 

Avaliar riscos x benefícios

Deficiência grave de xantina-oxidase; gota; herpes zoster; infecção; problema hepático ou renal; tratamento anterior com medicamento citotóxico ou radioterapia; varicela.

 

Reações mais comuns (sem incidência definida)

GASTRINTESTINAL: náusea, vômito.

HEMATOLÓGICO: diminuição de leucócitos no sangue, diminuição das plaquetas no sangue.

OUTROS: infecções.

 

Atenção com outros produtos

A AZATIOPRINA:

 

     pode ter sua ação e efeitos tóxicos aumentos por: alopurinol.

     pode aumentar os riscos de infecção e neoplasias com: outro imunossupressor.

     pode diminuir a ação de: vacina de vírus mortos.

     pode ter efeitos aditivos supressores da medula óssea com: depressor da medula óssea; radioterapia.

 

Outras considerações importantes

     evitar engravidar durante a terapia e até 4 meses após ter parado com a medicação.

     imunossupressão crônica com AZATIOPRINA está associada com um aumento de risco de neoplasia.

     ocorrendo náuseas ou vômito, dividir a dose em 2 ou mais vezes e tomar com alimento.

     se ocorrer infecção durante o tratamento, a dose deve ser diminuída enquando a infecção estiver sendo tratada.

REMÉDIOS COM AZATIOPRINA EM SUA COMPOSIÇÃO

Imunen
Imuran
Imussuprex

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal