FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Estrogênios Conjugados

Estrogênios Conjugados

(oral) (substância ativa)

Referência: premarin (Wyeth)

Genérico: não

Similar: estrinolon (EMS); estrogenon (Sanval); gestrocon (Neo Química); menoprin (Mabra); repogen (Libbs)

 

Uso oral

Comprimido (Estrogênios Conjugados 0,625 mg): Estrogenon; repogen

Drágea (Estrogênios Conjugados 0,3 mg): premarin

Drágea (Estrogênios Conjugados 0,625 mg): estrinolon; Estrogenon; Menoprin; premarin

Drágea (Estrogênios Conjugados 1,25 mg): premarin

 

Uso vaginal

Creme (cada 1 g contém: Estrogênios Conjugados 0,625 mg): estrinolon; Estrogenon; Gestrocon; premarin

 

O que é

antineoplásico; antiosteoporose; antimenopausa [estrogênio; hormônio sexual feminino].

 

Para que serve

câncer de próstata; deficiência de estrogênio; hiperplasia escamosa vulvar; hipogonadismo feminino; menopausa (sintomas vasomotores da); osteoporose; sangramento uterino (disfuncional); vaginite atrófica.

 

Como age

estrogênios são essenciais para o funcionamento do sistema reprodutor feminino. Estrogênios diminuem a liberação do hormônio liberador de gonadotropina, interferindo com a liberação de gonadotropinas pela hipófise (diminui a liberação de hormônio luteinizante e hormônio folículo-estimulante). Inibem a ovulação e impedem o engurgitamento das mamas no pós-parto. Inibem a reabsorção óssea. Também diminuem as concentrações da testosterona.

Estrogênios vaginais agem aliviando os sintomas do epitélio vulvo-vaginal atrofiado.

 

Como se usa

Uso oral – Doses

•doses em termos de Estrogênios Conjugados.

•durante refeição ou na hora de deitar (no caso de 1 dose por dia).

•no caso de associações, seguir as instruções do fabricante.

Adultos

menopausa (sintomas vasomotores); vaginite atrófica; hiperplasia escamosa vulvar: 0,3 mg a 1,25 mg por dia, continuamente ou ciclicamente.

osteoporose (prevenção): 0,3 mg a 1,25 mg por dia, continuamente ou ciclicamente.

hipogonadismo feminino: 2,5 a 7,5 mg por dia, em doses divididas, ciclicamente.

câncer de próstata: 1,25 a 2,5 mg, 3 vezes por dia.

 

Uso vaginal

•doses em termos de Estrogênios Conjugados.

•usar a menor dose possível.

•não exceder 4 g por dia.

•seguir as instruções do fabricante para fazer as aplicações.

Adultos

vaginite atrófica; hiperplasia escamosa vulvar: 1 a 2 g por dia, durante 3 semanas. Parar 1 semana e recomeçar as aplicações, seguindo o mesmo esquema (3 semanas de uso x 1 semana de descanso).

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe X

 

Amamentação

eliminado no leite; não amamentar.

 

Não usar o produto

neoplasia dependente de estrogênio conhecida ou suspeita; tromboflebite ou distúrbio tromboembólico ativo; sangramento vaginal anormal e não diagnosticado.

 

Avaliar riscos x Benefícios

hipercalcemia associada com câncer ósseo ou metástase de câncer de mama (pode ocorrer grave hipercalcemia); história de tromboflebite, distúrbio tromboembólico ou trombose induzida por estrogênio.

 

Reações mais comuns (sem incidência definida):

Dermatológico: coceira.

Gastrintestinal: dor na barriga; gases intestinais.

Geniturinário: candidíase vaginal; sangramento geniturinário; inflamação na vagina.

Musculoesquelético: fraqueza; cãibras nas pernas. em homens:

Endócrino-metabólico: aumento do tamanho das mamas; atrofia testicular; impotência (reversíveis ao final do tratamento).

 

Atenção ao utilizar outros produtos

Os Estrogênios Conjugados

•podem ter sua eficácia diminuída por: carbamazepina; fosfenitoína; fenobarbital; fenitoína; rifampicina.

•podem intensificar os efeitos de: corticosteroide.

•podem aumentar o risco de toxicidade de: ciclosporina.

•podem aumentar o risco de hepatotoxicidade de: dantroleno; medicamento hepatotóxico.

•podem diminuir os efeitos de: anticoagulante oral.

•podem interferir com a eficácia de: tamoxifeno.

 

Outras considerações importantes

•descontinuar o uso pelo menos 4 semanas antes de cirurgias associadas a incidência elevada de tromboembolismo.

•pacientes diabéticos devem ter as doses de insulina ou de hipoglicemiante oral ajustadas durante tratamento com Estrogênios Conjugados.

•durante o tratamento as mulheres devem ser submetidas a exames das mamas regularmente.

•os Estrogênios Conjugados não são efetivos para o tratamento dos sintomas nervosos ou a depressão que podem ocorrer durante a menopausa.

•o reaparecimento da menstruação (em mulheres menopausadas que estejam utilizando os Estrogênios Conjugados) não é indicativo de fertilidade.

•mulheres em idade fértil devem utilizar métodos contraceptivos não hormonais durante o uso de Estrogênios Conjugados.

•usar o produto com cautela em adolescentes cujo crescimento ósseo ainda não tenha sido completado.

•pacientes diabéticos devem avisar o médico se apresentarem sintomas de hiperglicemia ou de açúcar na urina.

•o fumo, associado a esta medicação, pode aumentar o risco de desenvolvimento de problemas cardíacos ou vasculares. O risco aumenta em relação direta à idade da paciente e ao número de cigarros fumados por dia.

 

Estrogênios conjugados – Associações (ver orientações do fabricante)

repogen Ciclo – menopausa (sintomas da) – 14 drágeas (Estrogênios Conjugados 0,625 mg) + 14 drágeas (Estrogênios Conjugados 0,625 mg + acetato de medroxiprogesterona 5 mg). Embalagem com 28. Libbs.

Selecta – menopausa (sintomas da) – comprimido (Estrogênios Conjugados + medroxiprogesterona). Libbs.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal