FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Leflunomida

>>>Leflunomida (Oral) (substância ativa)>>>>>>>

>>>Referência: >>Arava (Sanofi-Aventis)>>>>>>

>>>Genérico: >>assinalado com G>>>>>>

>>> >>>>

>>>Uso oral>>>>>>>

>>>Comprimido revestido 20 mg:>> Arava; G>>>>>>

>>>Comprimido revestido 100 mg:>> Arava>>>>>>

>>> >>>>

>>>O que é>>>>>>>

>>>antirreumático [inibidor da desidrogenase diidroorotato; imunomodulador].>>>>>>

>>> >>>>

>>>Para que serve>>>>>>>

>>>artrite reumatoide (para alívio dos sintomas e para retardar a destruição das articulações).>>>>>>

>>> >>>>

>>>Como age>>>>>>>

>>>é um agente imunomodulador que inibe a enzima desidrogenase diidroorotato, envolvida na síntese da pirimidina. A leflunomida apresenta atividade antiproliferativa. Absorção:> gastrintestinal. Biotransformação:> provavelmente no fígado e parede gastrintestinal; transformado principalmente em M1, o metabólito ativo responsável por todas as ações do produto. Tempo para concentração máxima (pico) - M1:> 6 a 12 horas. Eliminação:> urina (43% como metabólitos); fezes (48% como metabólitos).>>>>>>

>>> >>>>

>>>Como se usa>>>>>>>

>>>Uso oralDoses>>>>>>>

>>>• doses em termos de leflunomida.>>>>>>

>>>Adultos>>>>>>>

>>>iniciar com dose de ataque de 100 mg, em dose única diária, durante 3 dias; a seguir: 20 mg, em dose única diária. Dependendo da resposta clínica, a dose de manutenção pode cair para 10 mg por dia.>>>>>>

>>>Limite de dose para adultos:>> 20 mg por dia (durante a manutenção do tratamento).>>>>>>

>>>Idosos:>> mesmas doses de adultos.>>>>>>

>>>Crianças:>> eficácia e segurança não estabelecidas até os 18 anos de idade.>>>>>>>

>>> >>>>

>>>Cuidados especiais>>>>>>>

>>>Risco na gravidez>>>>>>>

>>>Classe X >>>>>>

>>> >>>>

>>>Amamentação>>>>>>>

>>>não se sabe se o produto é eliminado no leite; não amamentar.>>>>>>

>>> >>>>

>>>Não usar o produto>>>>>>>

>>>displasia da medula óssea, imunodeficiência grave, infecção grave não controlada (o produto pode causar imunossupressão); doença do fígado, diminuição grave da função do fígado, sorologia positiva para hepatite B ou C (pode aumentar o risco de toxicidade no fígado).>>>>>>

>>> >>>>

>>>Avaliar riscos x Benefícios>>>>>>>

>>>diminuição da função renal (a concentração do produto pode aumentar 2 vezes).>>>>>>

>>> >>>>

>>>Reações mais comuns (ocorrem em pelo menos 10% dos pacientes):>>>>>>>

>>>Gastrintestinal:>> diarreia.>>>>>>

>>>Outros:>> infecção respiratória.>>>>>>

>>> >>>>

>>>Atenção com outros produtos>>>>>>>

>>>A Leflunomida>>>>>>

>>>•pode aumentar o risco de reações adversas e toxicidade no fígado com: medicamento hepatotóxico (ver Apêndice), como o metotrexato.>>>>>>

>>>•pode causar imunossupressão, não devendo ser utilizado junto com: vacina de vírus vivos.>>>>>>

>>> >>>>

>>>Outras considerações importantes>>>>>>>

>>>•a leflunomida está contraindicada durante a gravidez pelo risco de propiciar formação fetal; portanto, antes de iniciar o tratamento, deve-se descartar a presença de gravidez; as mulheres devem usar métodos apropriados para evitar a gravidez e devem interromper o produto e informar imediatamente o médico se houver suspeita de gravidez.>>>>>>

>>>•homens utilizando o produto devem usar camisinha nas relações sexuais. Se desejarem se tornar pais, o produto deve ser interrompido e a conduta de sua eliminação descrita a seguir para as mulheres deve ser observada.>>>>>>

>>>•eliminação do produto: após o tratamento em mulheres com possibilidade de engravidar, deve-se obter níveis plasmáticos de leflunomida menores do que 0,02 mg/litro. Para se conseguir isso, administrar: 8 g de colestiramina, 3 vezes por dia, durante 11 dias (que não precisam ser consecutivos, a menos que se deseje uma queda rápida nos níveis); realizar então 2 testes, com intervalo mínimo de 14 dias, das concentrações do produto (se permanecerem acima de 0,02 mg/litro, considerar um novo tratamento com colestiramina). Se o tratamento com colestiramina não for realizado, a leflunomida pode permanecer em taxas acima de 0,02 mg/litro por até 2 anos.>>>>>>

>>>•se o produto aumentar as taxas de transaminases, proceder assimTGP (AST) até 2 vezes o valor limite: reduzir a dose para 10 mg por dia; TGP entre 2 e 3 vezes o valor limite: reduzir a dose e se a TGP continuar naquele nível, realizar biópsia do fígado se se desejar manter a medicação; TGP maior que 3 vezes o valor limite: reduzir a dose e administrar colestiramina; se a TGP continuar maior que 3 vezes o limite, suspender a leflunomida.>>>>>>

>>>•checar periodicamente: função do fígado (antes de iniciar o tratamento e a seguir a cada mês; quando estável, monitorar segundo o estado clínico individual).>>>>>>

>>>•não ingerir bebida alcoólica (risco de toxicidade no fígado).>>>>>>

>>>•evitar vacinas.>>>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal