FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Isoxsuprina

Isoxsuprina

(Oral; Injetável) (nome genérico) (substância ativa)

Referência: Inibina (Apsen)

Genérico: não

 

cloridrato de isoxsuprina

Uso oral

Comprimido 10 mg: Inibina

 

Uso injetável

Injetável (solução) 10 mg/2 mL: Inibina

 

Armazenagem antes de aberto

Temperatura ambiente (15-30°C). Não congelar.

 

O que é 

vasodilatador periférico.

 

Para que serve

arteriosclerose; doença de Raynaud; doença vascular periférica; insuficiência vascular cerebral; tromboangeíte; parto prematuro (prevenção e tratamento).

 

Como age

age diretamente no músculo liso vascular produzindo vasodilatação periférica.

 

Como se usa

Uso oral – Doses

•doses em termos de cloridrato de Isoxsuprina.

•condições vasoespásticas (tratamento adjunto):

Adultos

10 a 20 mg, 3 ou 4 vezes por dia.

 

Uso injetável – Preparação

Isoxsuprina (solução) 10 mg/2 mL – Via intramuscular administração: em adultos, nas nádegas (quadrante superior externo); em crianças, na face lateral da coxa.

 

Isoxsuprina (solução) 10 mg/2 mL - Infusão intravenosa

Diluição

Diluente: Glicose 5%. Volume: para uma concentração 0,2 mg/mL. Não utilizar Cloreto de Sódio 0,9% devido ao risco de edema pulmonar.

Tempo de infusão: ver indicações.

 

Uso injetável – Doses

• doses em termos de cloridrato de Isoxsuprina.

inibidor do parto prematuro: 5 a 10 mg, via intramuscular 2 ou 3 vezes por dia.

A Isoxsuprina tem também sido utilizada por infusão intravenosa: diluir cada 10 mg em 50 mL de glicose a 5% (isto proporciona uma concentração de 0,2 mg por mL); infundir inicialmente de 0,2 a 1 mg por minuto; a seguir 0,1 a 0,3 mg por minuto até 1 a 1,5 h após as contrações terem sido abolidas (controlar a pressão materna e os batimentos cardíacos do feto durante administração). O tratamento geralmente continua pela via oral, 5 a 20 mg cada 3 a 6 horas até o final.

Atenção: se o parto tornar-se iminente, descontinuar a Isoxsuprina para prevenir toxicidade no recém-nato.

Adultos

10 mg, 4 vezes por dia.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe C

 

Amamentação

problemas não documentados.

 

Não usar o produto

queda de pressão ou taquicardia, doença cardíaca ou grave anemia; imediatamente após o parto, se houver sangramento arterial.

 

Avaliar riscos x Benefícios

erupção na pele (se ocorrer, parar a medicação).

 

Reações que podem ocorrer (sem incidência definida)

Cardiovascular: aumento dos batimentos cardíacos; batimento cardíaco irregular; palpitação; queda da pressão arterial.

Gastrintestinal: desconforto na barriga; distensão abdominal; náusea; vômito.

Respiratório: dor no tórax.

Sistema nervoso central: fraqueza; nervosismo; tontura.

Dermatológico: grave erupção na pele.

 

Atenção ao utilizar outros produtos

A Isoxsuprina

• pode ter sua ação diminuída por: fumo.

 

Outras considerações importantes

•cuidado ao dirigir ou executar tarefas que exijam atenção.

•descontinuar o uso do produto se o paciente apresentar erupção na pele.

•evitar mudanças bruscas de postura. Fazer movimentos mais lentos do que habitualmente.

•tomar cuidado ao subir ou descer escadas.

REMÉDIOS COM ISOXSUPRINA EM SUA COMPOSIÇÃO

Inibina

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal