FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Risperidona

Risperidona (oral) (substância ativa)

Referência: risperdal (Janssen-Cilag)

Genérico: assinalado com G

Similar: respidon (Torrent); risperidon (Cristália); riss (Eurofarma); viverdal (União Química); zargus (Biosintética)

 

Uso oral

Comprimido 0,25 mg: risperdal

Comprimido 0,50 mg: risperdal

Comprimido 1 mg: risperdal; G

Comprimido 2 mg: risperdal; G

Comprimido 3 mg: risperdal; G

Solução oral 1 mg/mL: risperdal; G

 

O que é

antipsicótico; antimania [benzisoxazol (derivado)].

 

Para que serve

desordens psicóticas (esquizofrenia e outras desordens psicóticas); desordem bipolar.

 

Como age

mecanismo não bem compreendido. Antagoniza fortemente os receptores (do tipo 2) da serotonina e fracamente os receptores (do tipo 2) da dopamina.

 

Como se usa

Uso oral – Doses

• doses em termos de Risperidona.

Adultos

antipsicótico:

iniciar com 1 mg, 2 vezes por dia. No 2° dia passar para 2 mg, 2 vezes por dia. No 3° dia dar 3 mg, 2 vezes por dia, que é a dose de manutenção.

Atenção: doses acima de 5 mg, 2 vezes por dia não se mostraram mais eficazes do que doses mais baixas e podem provocar sintomas extrapiramidais, não devendo ser utilizadas.

episódio agudo de mania ou episódio misto associado com desordem bipolar: como monoterapia ou em tratamento combinado, a dose inicial é 2-3 mg em dose única diária. A dose pode ser acrescida ou diminuída de 1 mg em intervalos de não menos que 24 horas. Os efeitos antimania podem ser controlados com doses que variam de 1 a 6 mg por dia. Não há dados sistemáticos na síndrome bipolar que suportem o uso da Risperidona além de 3 semanas.

Limite de dose para adultos: 6 mg por dia. A segurança além dessa dose não está estabelecida.

Crianças: eficácia e segurança não estabelecidas até os 18 anos de idade.

 

Cuidados especiais

Risco na gravidez

Classe C

 

Amamentação

não se sabe se é eliminado no leite. Pelo risco potencial de efeitos adversos na criança, não amamentar.

 

Não usar o produto

câncer de mama; doença de Parkinson.

 

Avaliar riscos x Benefícios

condição que afete o metabolismo ou as respostas hemodinâmicas; condição que predisponha à queda de pressão (desidratação, hipovolemia ou tratamento com anti-hipertensivo); convulsão; doença cardiovascular ou cerebrovascular; idoso; diminuição grave da função renal ou hepática (do fígado).

 

Reações mais comuns (sem incidência definida)

Cardiovascular: aumento dos batimentos cardíacos.

Dermatológico: erupção na pele.

Endócrino/metabólico: aumento de peso.

Gastrintestinal: aumento da salivação; constipação intestinal; má digestão; náusea.

Musculoesquelético: alteração de tônus muscular.

Respiratório: rinite.

Sistema nervoso central: ansiedade; fadiga; reações extrapiramidais (ver Apêndice); sonolência; tontura; visão anormal; incapacidade de permanecer sentado.

 

Atenção com outros produtos

A Risperidona

•pode ter sua ação diminuída por: carbamazepina.

•pode aumentar o risco de queda de pressão com:anti-hipertensivo.

•pode ter sua ação aumentada por: clozapina.

•pode antagonizar a ação de: bromocriptina; levodopa; pergolida.

•pode sofrer ou provocar aumento das reações adversas com:

álcool; depressor do sistema nervoso central.

•pode ter sua concentração aumentada por: fluoxetina.

•pode causar torsades de pointes (uma arritmia fatal) com: medicamento que prolonga o intervalo QT (ver Apêndice).

 

Outras considerações importantes

•cuidado ao dirigir ou executar tarefas que exijam atenção.

•não ingerir bebida alcoólica.

•pode haver tonturas; levantar devagar da cama ou da cadeira. Não fazer movimentos corporais bruscos. Cuidado ao subir ou descer escadas.

•mulheres que tomem esse produto devem avisar o médico caso fiquem grávidas ou se pretenderem engravidar.

•evitar exposição ao sol e luzes de bronzeamento artificial. Usar proterores solares e óculos escuros.

•pode haver hipertermia (choque de calor) ou hipotermia (queda da temperatura corporal); cuidado com exercícios pesados, banhos quentes ou temperaturas muito altas ou muito baixas.

REMÉDIOS COM RISPERIDONA EM SUA COMPOSIÇÃO

Ripevil
Risperdal Consta
Risperidon
Riss
Viverdal
Zargus

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal