FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Miocardiopatia Hipertrófica

Última revisão: 09/08/2017

Comentários de assinantes: 0

Miocardiopatia Hipertrófica Septal

 

Paciente de 31 anos de idade, sexo masculino, foi avaliado para realização de atividade física em competição. Realizou eletrocardiograma (ECG), conforme a Figura 1.

 

                
 

ECG: eletrocardiograma.

Figura 1 - ECG.

 

O ECG apresenta alterações difusas do segmento ST, com ondas Q em D1, D2, D3 e AVF, além de V4 a V6, que podem refletir a despolarização septal. As ondas P também estão alteradas, com aparente aumento biatrial, e o eixo está desviado para a esquerda. Esses achados, embora inespecíficos, sugerem a possibilidade da presença de miocardiopatia (MCP) hipertrófica septal.

O paciente deve realizar ecocardiograma, que, em caso de mostrar uma espessura de parede >13mm, pode confirmar o diagnóstico de MCP hipertrófica. Para avaliar a possibilidade de prática de atividade física, o paciente deve ser submetido a um teste de esforço para avaliar a capacidade funcional e as respostas vasculares, além verificar se há risco de arritmia e isquemia.

A maioria dos pacientes com MCP hipertrófica apresenta um bom prognóstico, porém, antes de determinar a possibilidade de realizarem atividades físicas competitivas, deve ser feita uma avaliação mais rigorosa.

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal