FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Velocidade de Desmame de Corticóide em Hepatite Alcoólica Grave

Última revisão: 14/02/2018

Comentários de assinantes: 0

Contexto Clínico

 

Tradicionalmente, são usados corticoides no tratamento de hepatite alcoólica aguda grave (HAA). Entretanto, a terapia com prednisolona aumenta o risco de infecções nesses pacientes. O presente estudo avaliou se a utilização do modelo de Lille no dia 4 (LM4) é útil para prever a resposta ao uso de prednisolona, em comparação com o dia 7 clássico (LM7), a fim de limitar a exposição inútil a corticosteroides.

 

O Estudo

 

Foi realizada uma análise retrospectiva de um grande grupo multinacional de pacientes com HAA com função discriminante de Maddrey => 32. A resposta aos corticosteroides foi avaliada com LM4 e LM7, de acordo com o valor de cut-off validado (>0,45). As características da curva ROC foram construídas para determinar o cut-off ideal para LM4 e comparar a precisão entre LM4, LM7, Meld (Escala Meld) e Abic (idade, bilirrubina, coeficiente internacional normatizado [INR] e creatinina). Modelos de regressão logística foram construídos para prever a mortalidade 28 e 90 dias.

Um total de 163 (62,7%) de 260 pacientes recebeu corticosteroides. A mediana de Maddrey para os pacientes tratados com corticosteroides foi de 64,1 (47,9?81,3). A mortalidade geral de 90 dias foi de 35,9%. O cut-off no LM4 e no LM7 para os pacientes que receberam tratamento foi de 0,39 (0,19?0,83) e de 0,36 (0,13?0,77). O LM4 foi um forte preditor independente de mortalidade em 28 dias (OR 25,4 [IC 95%; 5,1?126,8], P <0,001). Usando-se LM4 com um cut-off >0,45, a sobrevida em 28 e 90 dias foi significativamente maior para aqueles que responderam (90 e 76%) do que para aqueles que não responderam (66 e 40%), P <0,001. Ressalta-se que a área sob a curva ROC para predição de mortalidade para o LM4 foi semelhante com o LM7 clássico (0,77 versus 0,75, respectivamente; P = 0,558).

 

Aplicação Prática

 

Este estudo observacional demonstra que o LM4 é tão preciso quanto o LM7 em predizer a resposta aos corticosteroides, bem como a mortalidade em 28 e 90 dias. Avaliar a eficácia do uso de prednisolona em um período de tempo anterior pode evitar o uso mais prolongado inútil dessa terapia.

 

Bibliografia

 

Garcia-Saenz-de-Sicilia M et al. A day-4 Lille Model predicts response to corticosteroids and mortality in severe alcoholic hepatitis. Am J Gastroenterol 2016 Dec 6; [e-pub].

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal