FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Anfotericina b" obteve 180 resultados.

Página:  de 18

01/10/2009

Casos Clínicos

Terapia antifúngica

...scutiremos as principais considerações sobre o tratamento das diferentes candidíases. Candidíase Oral A candidíase oral é relativamente comum e pode apresentar-se desde a forma assintomática ou pode causar dor de garganta em queimação e dificuldade em alimentar-se. A sua forma mais comum é a pseudomembranosa, em que pacientes apresentam múltiplas placas brancas em língua, palato e outras par......

Ver Índice

11/11/2016

Revisões Internacionais

Infeccoes Micoticas em Hospedeiros Comprometidos

...entam septações frequentes e unem-se em ângulos de 45 graus (ramificação dicotômica) O enzimaimunoensaio (ELISA, do inglês enzyme-linked immunosorbent assay) para detecção do antígeno galactomanano do Aspergillus no soro é comercializado normalmente, e tornou-se uma ferramenta importante para obtenção de diagnósticos precoces de aspergilose invasiva.69,70 Em pacientes que estiverem fazendo quimio......

Ver Índice

04/12/2014

Remédios

Anfotericina B (COMPLEXO LIPÍDICO)

...do produto. Estabilidade após diluição com Glicose 5% Temperatura ambiente (15-30°C): 6 horas. refrigeração (2-8°C): 48 horas. Velocidade de infusão: 2,5 mg/kg de peso por hora. Se a infusao durar mais de 2 horas, a solucao deve ser agitada a cada 2 horas. Atenção: não utilizar filtro de linha. Se necessário, lavar o cateter com Glicose 5% antes da infusão. Uso injetável – Doses • doses em ......

Ver Índice

04/12/2014

Remédios

Anfotericina B (LIPOSSOMAL)

...injetável Injetável (pó) 50 mg: AMBISOME Armazenagem antes de aberto Temperatura abaixo de 25°C. Não congelar. Proteção à luz: sim, necessária. O que é antifúngico; antiprotozoario [Streptomyces nodosus (derivado); polieno] Para que serve infecção fúngica em paciente com neutropenia febril (tratamento empírico); aspergilose, criptococose ou candidiase disseminada (pacientes......

Ver Índice

04/12/2014

Remédios

Anfotericina B (CONVENCIONAL)

...a). REAÇÕES MAIS COMUNS (ocorrem em pelo menos 10% dos pacientes): CARDIOVASCULAR: inflamação da veia; pressão baixa; aumento dos movimentos respiratórios. DERMATOLÓGICO: erupção cutânea; dor no local da injeção. GENITURINÁRIO: função renal anormal; diminuição da densidade da urina; acidose tubular renal; pedra nos rins. GASTRINTESTINAL: falta de apetite; náusea; vômito; má digestão; diarreia......

Ver Índice

05/12/2011

Remédios

Anfotericina B (COMPLEXO COM COLESTERIL SULFATO)

... ATENÇÃO: reconstituir somente com Água Estéril para Injeção, pois outros diluentes podem provocar a precipitação do produto. • Estabilidade após reconstituição: refrigeração (2°-8°C): 24 horas, protegido da luz. Diluição • Diluente: Glicose 5%. • Volume: para se obter uma concentração de aproximadamente 0,6 mg/mL. • ATENÇÃO: utilizar apenas Glicose 5%. Soluções contend......

Ver Índice

04/06/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Anfotericina B (CONVENCIONAL)

...icamentosas e formas de administração. REFERÊNCIA ANFORICIN B (Cristália) GENÉRICO Não SIMILARES FUNGIZON (Bristol-M-Squibb); FUNTEX B (Meizler) USO INJETÁVEL Injetável (pó) 50 mg ANFORICIN B Armazenagem Antes de Aberto Refrigeração (2-8°C). Proteção à luz: sim, necessária. O QUE É A anfotericina B é antifúngico; antiprotozoário [Streptomyces nodosus (derivado)]. A......

Ver Índice

04/06/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Anfotericina B (COMPLEXO COM COLESTERIL SULFATO)

... do produto. • Estabilidade após reconstituição: refrigeração (2°-8°C): 24 horas, protegido da luz. DILUIÇÃO • Diluente: Glicose 5%. Volume: para se obter uma concentração de aproximadamente 0,6 mg/mL. • ATENÇÃO: utilizar apenas Glicose 5%. Soluções contendo cloreto de sódio, eletrólitos ou agentes bacteriostáticos podem causar a precipitação do produto. • Estabilidade......

Ver Índice

04/06/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Anfotericina B (COMPLEXO LIPÍDICO)

...atar formas comuns de doença fúngica. • Para minorar as reações adversas ocasionadas pelo produto, administrar anti-histamínicos e antieméticos, ácido acetilsalicílico e antipiréticos (paracetamol). • A administração das doses iniciais deve ser feita sob observação clínica cuidadosa, pois as reações agudas (ex.: febre, calafrios, náusea, vomito, cefaleia, dispneia e taquipneia) ocorrem......

Ver Índice

04/06/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Anfotericina B (LIPOSSOMAL)

...ermeabilidade da parede celular (os componentes intracelulares extravazam). COMO SE USA Uso Injetável – Infusão Intravenosa Anfotericina B Lipossomal (pó) 50 mg ATENÇÃO: soluções contendo cloreto de sódio ou conservantes podem causar a precipitação do produto, portanto não devem ser utilizadas. Se necessário, lavar o cateter com Glicose 5% antes da infusão. RECONSTITUIÇÃO • Diluen......

Ver Índice

Página:  de 18

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal