FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Caso 2" obteve 2392 resultados.

Página:  de 240

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

...is and management of disseminated intravascular coagulation. British Committee for Standards in Haematology. Br J Haematol 2009; 145:24. Levi M, Ten Cate H. Disseminated intravascular coagulation. N Engl J Med 1999; 341:586. Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso? Lucas Santos Zambon Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso? Imagem da Semana Casos Clínico......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...resentam sintomas da doenca. Interpretação dos resultados do exame sorológico Quadro 26. Rubéola pós-natal (exceto gestante) Coleta da amostra Resultado Classificação do caso Até 28 dias IgM + Confirmar o caso IgM – Descartar o caso Após 28 dias IgM + Confirmar o caso IgM – Embora não se possa afirmar que não houve infecção recente, descart......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...béola, com o preenchimento da ficha de investigação epidemiológica; visitar imediatamente o domicilio para coleta de sangue e complementação dos dados da ficha; identificar outros possíveis casos suspeitos, realizando extensa busca ativa; aprazar e realizar a revisita para avaliar a evolução do caso; classificar o caso conforme os critérios estabelecidos; avaliar a cobertura vacinal e desencadear ......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...tacam-se: rubéola, eritema infeccioso (parvovírus B19), exantema súbito (roséola infantum – herpes vírus 6), dengue, enteroviroses e ricketioses. Rubéola – doença de natureza viral que, em geral, apresenta-se com pródromos somente em crianças. O exantema é róseo, discreto e, excepcionalmente, confluente, com máxima intensidade no segundo dia, desaparecendo até o sexto dia, sem descamação. Há p......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

... epidemiológico entre o caso suspeito e a região de ocorrência, com comprovada circulação do vírus rábico, que selaria o diagnóstico de raiva. Caso descartado – caso notificado cujos resultados de exames laboratoriais foram negativos, afastando a hipótese de raiva, ou pacientes com evolução incompatível com raiva. Relatório Final Os dados da investigação deverão ser consolidados em um rel......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral

...madilha de isca luminosa. A unidade de pesquisa para a zona rural será a localidade e para a zona urbana, os setores de zoneamento para o controle do Aedes aegypti. A coleta de flebótomos deverá ser realizada em todos os setores/localidade do município, utilizando-se de duas até dez armadilhas em cada setor/localidade. Cada armadilha deverá ser instalada no peridomicílio, preferencialmente em abr......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...nferior a 7 anos. 13 - Preencher com o nº do cartão único do Sistema Único de Saúde – SUS. 14 - Preencher com o nome completo da mãe do paciente (sem abreviações). 15 - Anotar o tipo (avenida, rua, travessa, etc.), nome completo ou código correspondente do logradouro da residência do paciente. Se o paciente for indígena, anotar o nome da aldeia. 16 - Anotar o nº do logradouro da residência do......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

... transmissibilidade, 1 a 7 dias após o início dos sintomas. · Caso o contato não apresente sinais e sintomas, orientá-lo para realizar Quarentena Domiciliar Voluntária e realizar o monitoramento clínico diário, por telefone, durante 10 dias a partir da data do último contato com o paciente. · Caso o contato apresente sinais e sintomas de modo a se enquadrar na definição de caso em moni......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...ou não estar acompanhada de outros sinais e sintomas como cefaléia, mialgia, artralgia ou dispnéia, vinculados aos itens A e ou B abaixo: A. Ter retornado, nos últimos 7 dias, de países com casos confirmados de infecção pelo novo vírus A (H1N1); OU B. Ter tido contato próximo, nos últimos 7 dias, com uma pessoa classificada como caso suspeito ou confirmado de infecção humana pelo novo vírus i......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...ular (a infecção pode ser inaparente ou manifestar-se sob a forma de conjuntivite aguda, com eventual formação da membrana). Complicações As complicações podem ocorrer desde o início da doença até, na maioria dos casos, a sexta ou oitava semana, quando os sintomas iniciais já desapareceram. Seu estabelecimento pode estar relacionado com localização e extensão da membrana; quantidade de toxina......

Ver Índice

Página:  de 240

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.