FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Checklist Baseado Nas Recomendacoes da Oms Reduz a Morbidade e Mortalidade Pos Operatoria" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...mplicações e de mortalidade pós-operatórias em oito cidades de diferentes países, sendo que 3733 pacientes consecutivos foram avaliados prospectivamente antes da introdução deste checklist e 3955 pacientes consecutivos foram avaliados após a introdução do checklist. A tabela 1 contém os principais elementos do checklist. Tabela 1: Checklist de segurança cirúrgico baseado nas recom......

Ver Índice

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

... foram avaliados e o equipamento apropriado e assistência estão disponíveis. 6. Se houver risco de perda sanguínea de pelo menos 500 ml (ou 7 ml/kg em crianças) é necessário acesso venoso apropriado e fluidos de reposição disponíveis. Pausa antes do início (time out) Antes da incisão, toda a equipe (enfermeiras, cirurgiões, anestesistas e outros participantes no cuidado do paciente) ver......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

...urgias mais avançadas. Espera-se poder mostrar melhorias, tanto no processo como nos resultados dos cuidados cirúrgicos, através de hospitais piloto ligados à OMS para avaliar a Checklist. 4. Hospitais já não usam checklists? Muitos hospitais que já possuem controles locais, mas a sua utilização consistente é muitíssimo variável. Muitos desenvolveram a realização ......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

... Muitos desenvolveram a realização de uma checagem onde a equipe confirma a identidade do paciente, o procedimento, e o local de operação. A expansão dessas checagens de forma mais elaborada e sistematizada, entretanto, foi o que a campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” fez. 5. Como saber se o checklist funciona? Entre outubro de 2007 e Setembro de 2008, foram estu......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...de hospital. Estas taxas significam que, anualmente, pelo menos 7 milhões de pacientes podem ter complicações pós-operatórias. 3. As taxas de mortalidade relatadas após grandes cirurgias são entre 0,4% e 10%, dependendo das circunstâncias. A estimativa do impacto destas taxas é que pelo menos 1 milhão de pacientes morre por ano, durante ou após uma cirurgia. 4. Informações relati......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...ativas ao ano, e 1 milhão de pessoas morrem durante ou imediatamente após a cirurgia anualmente no mundo. Por esse motivo é que a OMS colocou a Segurança em Cirurgias como um problema mundial de saúde pública que deve ser resolvido. Tabela 1: 10 Fatos Sobre Segurança Em Cirurgias (OMS) 1. Globalmente, cerca de 234 milhões de grandes intervenções cirúrgicas são realizada......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...editar em protocolos como ferramenta fundamental para uma prática segura. 3. As evidências que devem ser usadas e a forma de criação de protocolos e padrões devem também ser criteriosas e constantemente melhoradas. Muitos são os interessados nos resultados da assistência médica: o paciente, o hospital, os convênios, o governo e o próprio médico. Portanto todos esses envolvidos devem se engajar......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...o da assistência em saúde. A necessidade de padronização vem de encontro a conceitos relacionados à forma como o ser humano erra, e quais os mecanismos que podem ser utilizados para evitar esse erro. Um deles é a criação de padrões e situações “à prova de erro”, seja pelo uso de guidelines ou protocolos. Entretanto, a figura central dessa ação, o médico, tem como um dos pilares centrais da sua at......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...cias científicas. Porém o resultado de uma simples recomendação pode não ter efeito algum. Uma abordagem baseada em protocolos dentro de sistemas e processos de assistência tende a ser muito mais robusta em termos de resultado, pois remove uma série de barreiras, fornece suporte institucional para sua prática e ainda pode fornecer resultados que podem ser utilizados para promover melhorias de dese......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal