FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Cloranfenicol" obteve 118 resultados.

Página:  de 12

02/05/2010

5 Antiinfectantes

Cloranfenicol, Palmitato de Cloranfenicol, Succinato de Cloranfenicol

...ccinato de Cloranfenicol (ver Cloranfenicol, Palmitato de Cloranfenicol, Succinato de Cloranfenicol) SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.” O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar ......

Ver Índice

06/01/2010

5 Antiinfectantes

Cloranfenicol, Palmitato de Cloranfenicol e Succinato Sódico de Cloranfenicol

...cina. • Cloranfenicol aumenta a toxicidade de: ciclosporina (disfunção renal, colestase, parestesia), varfarina, clozapina (aumento do risco de agranulocitose), sulfoniluréias. ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES1,2,4-6 • Orientar para ingerir em jejum. • Orientar para consultar regularmente, devido à necessidade de monitorizar problemas sangüíneos. ASPECTOS FARMACÊUTICOS5 • ......

Ver Índice

08/12/2014

Remédios

Cloranfenicol

...ação: no fígado. Eliminação - urina: 5 a 10% como droga inalterada e 80% como metabólitos inativos; fezes: pequena fração. COMO SE USA Uso oral – Doses •doses em termos de cloranfenicol. •tomar com o estômago vazio, 1 hora antes ou 2 horas depois de refeição. Adultos 25 a 50 mg por kg de peso corporal, divididos em 4 tomadas (1 dose a cada 6 horas). Crianças acima de 2 anos: a dose d......

Ver Índice

16/09/2015

Biblioteca Livre

Anfenicóis

... acinzentada e apresentam hipotermia3 (ver monografia, página 501). Referências 1.REYES, B. et al. El cloranfenicol: 40 años después. Infectologia, Barcelona, v. 7, n. 4, p. 151-162, 1987. 2.MANDELL, G.L.; BENNETT, J.E.; DOLIN, R. Mandell, Douglas, and Bennett’s principles and practice of infectious diseases. 6. ed. Philadelphia: Elsevier, 2005. 2 v. 3.DEL FIOL, F.S.; AVALLONE, A.M. U......

Ver Índice

16/09/2015

5 Antiinfectantes

Anfenicóis

...STÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos Brasília / DF – 2010 5.1.11 Anfenicois Fernando de Sá Del Fiol e Silvio Barberato Filho Abrangem cloranfenicol e tianfenicol, antibióticos bacteriostáticos de amplo espectro de atividade, atuando contra bactérias gram-positivas, gram-negati......

Ver Índice

06/12/2012

Revisões Internacionais

Terapia antimicrobiana – Paul S. Pottinger, Timothy H. Dellit

...e clindamicina. Este fármaco é ativo contra a maioria dos organismos anaeróbicos, embora seja encontrada resistência em 10 a 20% das infecções por B. fragilis, peptoestreptococos e clostrídios (exceto C. perfringens). A clindamicina também é ativa contra a maioria das bactérias gram-positivas aeróbicas, incluindo muitas cepas de S. aureus, S. pneumoniae, estreptococos do grupo A e outros estreptoc......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...entrações plasmáticas do fármaco). – insuficiência hepática (ver Apêndice C). – lactação (ver Apêndice B). t Evitar tratamentos repetidos e prolongados. t Categoria de risco da gravidez (FDA): C (Ver Apêndice A). Esquemas de administração Crianças, com funções hepática e renal normais Infecções por organismos susceptíveis (não susceptíveis a outros antimicrobianos) Neonatos......

Ver Índice

09/12/2014

Remédios

Colagenase

...lactação. Avaliar riscos x Benefícios uso do produto em áreas próximas ao olhos; paciente debilitado. Reações mais comuns (sem incidência definida): Dermatológico: dor no local da aplicação; sensação de queimação; vermelhidão na pele. Outras considerações importantes •nos tratamento da pele, se houver tecidos necrotizados ou tecidos ressecados, aplicar compressas úmidas no local e ......

Ver Índice

16/12/2016

Revisões

febre tifoide

...ebre tifoide deve ser considerada em um paciente que retorna após viagem para uma área endêmica que se apresenta com quadro de dor abdominal, febre e calafrios. Além disso, casos autóctones ou surtos podem ocorrer devido à transmissão através de portadores crônicos. Testes sorológicos são de utilidade clínica limitada. O diagnóstico de febre tifoide é muitas vezes baseado em manifestações clínicas......

Ver Índice

28/07/2016

Revisões Internacionais

Infecções Causadas por Brucella, Francisella, Yersinia Pestis e Bartonella

...nica: 2 a 7 dias. Pneumônica: 2 a 3 dias (1 a 14 dias). Febre de Oroya: 3 a 12 semanas. Bacteremia: dias a meses. Doença da arranhadura dos gatos: 3 a 10 dias. Manifestações clínicas Multifacetada: febre e taquicardia, síndrome semelhante à influenza, aumento de volume no fígado ou no baço, linfadenopatia, erupções cutâneas ou lesões na pele. Enfermidade semelhante à influen......

Ver Índice

Página:  de 12

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal