FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Escore Wells de Embolia Pulmonar" obteve 11 resultados.

Página:  de 2

10/09/2014

Revisões

Embolia pulmonar

...dores também elaborou e testou um escore para TVP, que também é prático para ser utilizado no dia a dia.19 Exames de apoio ao diagnóstico Os pacientes com TEP apresentam frequentemente sintomas torácicos agudos. Nesse sentido, existem exames que auxiliam o diagnóstico diferencial, reforçando a suspeita clínica ou tendendo a outro diagnóstico; entretanto, não permitem confirmar ou excluir com ......

Ver Índice

14/09/2018

Revisões

Embolia pulmonar

...iodado e os níveis de dímero; em 228 mulheres grávidas com suspeita de TVP, encontraram uma prevalência de TVP na população estudada de 6,6%. A EP isolada refere-se a um defeito de enchimento visto em uma pequena artéria pulmonar, geralmente <3mm de diâmetro e na ausência de TVP; os radiologistas em geral não concordam quando visualizam essas imagens separadamente. A incidência de identificaçã......

Ver Índice

30/06/2017

Revisões

Dispneia

...evido à infecção viral aguda do trato respiratório. A dor torácica, que antecede a dispneia, sugere isquemia coronariana e EP. Quando associada a sibilos, a dispneia ocorre devido ao broncoespasmo; causas potenciais incluem asma e disfunção cardíaca crônica. São sugestivos de doença obstrutiva respiratória os seguintes fatores: tabagismo (>40 maços/ano); idade maior que 45 anos; estreitamento ......

Ver Índice

03/04/2017

Artigos

Ultrassom beira-leito na avaliação de suspeita de TEP

...irmada em 125 deles (28%). O uso de USWs teve um desempenho significativamente melhor do que o de Ws, com uma sensibilidade de 69,6 versus 57,6% e uma especificidade de 88,2 versus 68,2%. Em combinação com D-dímero, a combinação USWs mostrou uma taxa ótima de falha (apenas 0,8%) e uma eficiência significativamente superior do que o Ws (32,3 versus 27,2%). Uma estratégia baseada em USG pulmonar e v......

Ver Índice

16/10/2014

Revisões

Tromboembolia pulmonar: tratamento

...eso molecu­lar 47.000 (dáltons), ativa a forma circulante do plasminogênio e a forma ligada à fibrina, meia-vi­da 40-80 min, com capacidade antigênica, utiliza­ da em dose de infusão inicial rápida e manutenção média entre 24-72 h. Urocinase Enzima fibrinolítica isolada originalmente na uri­na humana, está presente em menor quantidade em várias localizações fisiológicas, como ......

Ver Índice

16/05/2014

Revisões Internacionais

sepse

...PF, et al: Efficacy and safety of recombinant human activated protein C for severe sepsis. Recombinant Human Protein C Worldwide Eval­uation in Severe Sepsis (PROWESS) study group. N Engl J Med 344:699, 2001 28. Warren BL, Alain E, Singer P, et al: High-dose antithrombin III in severe sepsis: a randomized controlled trial. JAMA 286:1869, 2001 29. Abraham E, Reinhart K, Opal S......

Ver Índice

09/03/2009

Revisões

Tromboembolismo pulmonar

... Quinlan DJ, McQuillan A, Eikelboom JW. Low molecular weight heparin compared with intravenous unfractioned heparin for treatment of pulmonary embolism. Ann Intern Med. 2004;140:175-183. 10. Wan S, Quinlan DJ, Agnelli G, Eikelboom JW. Trombolysis compared with heparin for the initial treatment of pulmonary embolism. Circulation. 2004;110:744-749. Tromboembolismo pulmonar André Nathan Costa Mar......

Ver Índice

09/03/2009

Revisões

Tromboembolismo pulmonar

...investigue”. Desta maneira, deve-se sempre estar alerta aos sintomas e sinais dos pacientes, visto ser necessário alto grau de suspeição para se realizar o diagnóstico. Estudos mostram que menos de 30% dos pacientes têm sintomas ou sinais de acometimento de membros inferiores, apesar das autópsias mostrarem que mais de 70% das embolias são provenientes dos membros inferiores. O sintoma mais comum......

Ver Índice

26/03/2012

Revisões Internacionais

Fibrilação atrial – Gregory F. Michaud (MD) e Roy M. John (MD, PhD)

... Risco 2 vezes maior de morte; risco de morte súbita mais alto na CMH e na IC AVC = acidente vascular cerebral; CMH = cardiomiopatia hipertrófica; FA = fibrilação atrial; IC = insuficiência cardíaca. O risco aumentado de tromboembolismo na FA é multifatorial.34 Os mecanismos envolvidos incluem alterações na estrutura endocárdica atrial esquerda, alterações do fluxo sanguíneo e hemostasia a......

Ver Índice

06/12/2013

Revisões Internacionais

Tromboembolia venosa

... Embora os fatores de risco genéticos aumentem a probabilidade de uma TEV inicial, estes fatores exercem pouco impacto sobre o risco de TEV recorrente. O fator V de Leiden heterozigoto triplica o risco de TEV inicial, enquanto o fator V de Leiden homozigoto aumenta este risco em 15 a 20 vezes. A investigação por meio de exames de sangue pode conduzir ao erro. Exemplificando, a coagulopatia de cons......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal