FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Furosemida" obteve 149 resultados.

Página:  de 15

27/01/2011

Artigos

Furosemida e Complicações em Idosos com Insuficiência Cardíaca após Alta Hospitalar

...ria de dose de furosemida no período de 1 ano. No período de 5 anos, houve mudança de categoria em 63% da amostra. Comparada à exposição a baixas doses de furosemida, o uso de doses moderadas e altas associou-se a um aumento na mortalidade de 96% e 200%, respectivamente, após ajuste para múltiplas variáveis. O risco de hospitalização por IC elevou-se em 24% e 43% para os usuários de doses moderada......

Ver Índice

03/01/2013

Artigos

Furosemida para ICC descompensada: infusão intermitente ou contínua?

...gias é melhor do ponto de vista clínico, uma vez que os desfechos que foram diferentes entre os dois grupos e favoreceram a furosemida contínua foram uma diurese e uma perda ponderal maiores. Ainda são necessários estudos mais focados nestes desfechos clínicos para dar mais corpo de evidência que favoreça o uso de furosemida em infusão contínua. Entretanto, não resta dúvidas de que, inde......

Ver Índice

14/01/2015

Remédios

Furosemida

...ses Adultos diurético: iniciar com 20 a 40 mg, via intramuscular ou intravenosa, em dose única; se necessário, aumentar a dose em 20 mg a cada 2 horas até obter o efeito desejado. edema pulmonar agudo (não acompanhado de crise hipertensiva): 40 mg, via intravenosa. Se houver necessidade injetar mais 80 mg, via intravenosa, após 1 hora. crise hipertensiva (pacientes com função renal normal): 40......

Ver Índice

16/05/2010

SEÇÃO B – MEDICAMENTOS USADOS EM DOENÇAS DE ÓRGÃOS E SISTEMAS ORGÂNICOS

Furosemida

...njeção são alcalinas, não devendo ser misturadas ou diluídas com glicose ou soluções ácidas. • A injeção de furosemida é visualmente incompatível com injeções de diltiazem, dobutamina, dopamina, midazolam e brometo de vecurônio. ATENÇÃO: este fármaco apresenta número elevado de interações medicamentosas, existindo 125 interações já relatadas. Atentar para risco aumentado de ototoxicida......

Ver Índice

24/05/2010

SEÇÃO B – MEDICAMENTOS USADOS EM DOENÇAS DE ÓRGÃOS E SISTEMAS ORGÂNICOS

Furosemida

...icos Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos Brasília / DF – 2008 Furosemida (ver Furosemida) SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.” O objetivo do site MedicinaNet e seus edito......

Ver Índice

04/05/2009

Casos Clínicos

hipercalcemia

...is, como anorexia e constipação intestinal, são comuns e ocorrem por alteração do relaxamento da musculatura lisa. Constipação é o sintoma gastrintestinal mais comum e anorexia, náuseas e vômitos também podem ocorrer. Exames Complementares · K: 3,8 mEq/L. · Cálcio total:15,6 mg/dL (aumentado). · Cálcio ionizado:8,5 mg/dL (aumentado). · Na: 130 mEq/L. · Uréia: 18 ......

Ver Índice

25/10/2009

Casos Clínicos

Hipercalemia

...pois não existe história de oligúria ou mesmo de alteração da função renal. Neste caso, para controle dos níveis pressóricos, podem ser utilizados os bloqueadores dos canais de cálcio, considerando a necessidade de diminuir os níveis pressóricos com maior rapidez devido ao quadro de congestão pulmonar. Pode-se considerar ainda o uso de vasodilatadores, inclusive parenterais. O tratamento inclui a ......

Ver Índice

04/04/2010

Casos Clínicos

Insuficiência cardíaca descompensada

...ECA e uso em ICC Droga Dose inicial Dose máxima Captopril 6,25 mg 3 vezes/dia 50 mg 3 vezes/dia Enalapril 2,5 mg 2 vezes/dia 10 a 20 mg 2 vezes/dia Fosinopril 5 a 10 mg 1 vez/dia 40 mg 1 vezes/dia Lisinopril 2,5 a 5 mg 1 vez/dia 20 a 40 mg 1 vez/dia Quinapril 10 mg 2 vezes/dia 40 mg 2 vezes/dia Ramipril 1,25 a 2,5 mg 1 v......

Ver Índice

03/05/2009

Casos Clínicos

Insuficiência cardíaca ambulatorial

...ral. 2. Classe B: pacientes já apresentam alterações estruturais cardíacas, como hipertrofia de ventrículo esquerdo, fibrose cardíaca ou disfunção sistólica, mas não apresentam sintomas de insuficiência cardíaca. 3. Classe C: pacientes já apresentam sintomas de descompensação cardíaca. 4. Classe D: pacientes apresentam sintomas com dispneia ao repouso, mesmo com terapia clínica máxima, mu......

Ver Índice

20/04/2016

Casos Clínicos

Conduta na Ascite em Cirrótico

...riamente um impacto em sobrevida, mas há melhora sintomática, com menos desconforto abdominal e menos falta de ar. Além disso, com menos líquido na cavidade abdominal, as opsoninas presentes no líquido são mais capazes de proteger contra peritonite bacteriana espontânea. Além disso, diminuir a ascite pode evitar a formação de hérnia da parede abdominal ou ruptura diafragmática (e hidrotórax hepáti......

Ver Índice

Página:  de 15

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal