FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Ictericia Febril" obteve 42 resultados.

Página:  de 5

Aulas

Icterícias febris

...icterícia febril......

Conteúdo em vídeo

13/03/2017

Revisões

Leptospirose (Atualização)

...nsmissão indireta por meio de água contaminada pela urina de rato é, de longe, a maior causa de infecção. Sua distribuição é mundial, mas tem incidências maiores em regiões tropicais. Podem ocorrer casos subclínicos ou com manifestações inespecíficas, principalmente em regiões epidêmicas. Um estudo mostrou que, em região epidêmica do Peru, 20 a 30% dos pacientes com quadro febril inespecífico apre......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

toxoplasmose

...nico variado, desde infecção assintomatica a manifestações sistêmicas extremamente graves. Do ponto de vista pratico, é importante fazer uma distinção entre as manifestações da doença, quais sejam: · Toxoplasmose febril aguda - Na maioria das vezes, a infecção inicial é assintomatica. Porém, em muitos casos, pode generalizar-se e ser acompanhada de exantema. Às vezes, sintomas de acometimento......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

toxoplasmose

...o com imunodeficiência. Com o surgimento da aids, tem aumentado o numero de casos de Toxoplasmose. Esses pacientes, após o tratamento especifico e a cura clínica, devem receber tratamento profilático pelo resto de suas vidas. SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fon......

Ver Índice

16/08/2013

Casos Clínicos

leptospirose

...Eq/L de lactato. Modo de ação Expansor do volume intravascular. Indicações Situações de choque hipovolêmico e distributivo, em especial nos pacientes politraumatizados – como é proposto pelos protocolos do ATLS. Posologia Similar à administração de solução fisiológica. Efeitos adversos Sobrecarga volêmica quando usados grandes volumes ou em indivíduos com disfunção cardíaca. ......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Febre Amarela

...(período de infecção e de intoxicação), com início abrupto, febre alta e pulso lento em relação à temperatura (sinal de Faget), calafrios, cefaleia intensa, mialgias, prostração, náuseas e vômitos, durando cerca de 3 dias, após os quais se observa remissão da febre e melhora dos sintomas, o que pode durar algumas horas ou, no máximo, 2 dias. O caso pode evoluir para cura ou para a forma grave (per......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Febre Amarela

...ior exposição profissional, relacionada à penetração em zonas silvestres da área endêmica. Outro grupo de risco são pessoas não vacinadas que residem próximas aos ambientes silvestres, onde circula o vírus, além de turistas e migrantes que adentram esses ambientes. Enquanto o Aedes aegypti encontrava-se erradicado, havia uma relativa segurança quanto a não possibilidade de reurbanização do vírus a......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

malária

...dose de 10 mg de sal/kg, a cada 8 horas, até completar um tratamento de 7 dias. - Sulfato de quinina: comprimidos de 500 mg do sal; clindamicina: comprimidos de 300 mg. - Sempre dar preferência ao peso para escolha da dose. Quadro 22. Esquemas recomendados para o tratamento da Malária grave e complicada pelo em todas as faixas etárias Artesunatoa: 2,4 mg/kg (dose de ataque......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

malária

...s menores de 6 meses. - Não administrar a gestantes nem a crianças menores de 6 meses (nestes casos, usar a Tabela 12). Tabela 11. Tratamento das infecções mistasa por P. falciparum e P. vivax ou P. ovale Idade/peso Esquema para P. falciparum Número de comprimidos por dia Primaquina 4° dia 5° dia 6° dia 7° ao 10° dias 1° ao 3° dias Infantil ......

Ver Índice

13/04/2015

Revisões

Icterícia

... ventilação mecânica deve garantir altos níveis de Pressão Expiratória Final Positiva – PEEP (> 15 cm H 2 O) associado a baixo volume corrente (± 6 mL/kg). Um trabalho prospectivo randomizado em pacientes com leptospirose e Síndrome da Angústia Respiratória (SARA) demonstrou superioridade da estratégia ventilatória protetora com baixos volumes corrente e PEEP alto, porém a amostra deste trabal......

Ver Índice

Página:  de 5

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal