FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Manejo do Paciente Com Primeira Crise Convulsiva" obteve 7 resultados.

Página:  de 1

21/07/2016

Revisões

Estado de Mal-Epiléptico

...co do estado de mal-epiléptico, em comparação com o risco após uma única crise convulsiva autolimitada sintomática. A mortalidade, como já comentado, é de cerca de 20% e não parece estar mudando com o tempo. Os resultados são geralmente piores quando as crises são prolongadas. Evidências sugerem que as convulsões que duram mais de 30 minutos são menos propensas a remitir espontaneamente e estão a......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...o. t Pico plasmático: 2 a 4 horas (oral), 1 a 4 horas (intramuscular). t Meia-vida plasmática: em torno de 30 horas. Efeitos adversos t Sintomas extrapiramidais, como parkinsonismo, acatisia, distonia aguda. Na administração prolongada, discinesia tardia, potencialmente irreversível t Delírio, síndrome neuroléptica maligna, estado catatônico. t Sedação, perturbação da regulação da tem......

Ver Índice

22/08/2009

Revisões

Crise Epiléptica

... de benzodiazepínicos, que, no estado de mal epiléptico, deve ser seguida de administração de agentes antiepilépticos com duração de ação mais prolongada no SNC, como fosfenitoína (20 mg/kg, EV, com taxa máxima de 150 mg/min), não disponível facilmente no Brasil, ou fenitoína endovenosa. A dose da fenitoína é de 15 a 20 mg/kg de peso, devendo ser diluída em 250 a 500 mL de soro fisiológico (não po......

Ver Índice

05/03/2014

Revisões

epilepsia

...pilepsia é uma das doenças primárias do sistema nervoso central (SNC) mais comuns, afetando 40 milhões de pessoas no mundo. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS),1 a epilepsia corresponde a 1% da carga global de doenças (global burden of disease), taxa equivalente à de câncer de pulmão nos homens e à de câncer de mama nas mulheres. Anualmente, nos Estados Unidos, cerca de 150 mil adul......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tuberculose

...administração da medicação e avaliar a função hepática Artralgia ou artrite Pirazinamida Isoniazida Medicar com ácido acetilsalicílico Neuropatia periférica (queimação das extremidades) Isoniazida Etambutol Medicar com piridoxina (vit B6) Cefaleia e mudança de comportamento (euforia, insônia, ansiedade e sonolência) Isoniazida Orientar Suor e urina cor d......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Tuberculose

...das extremidades) Isoniazida Etambutol Medicar com piridoxina (vit B6) Cefaleia e mudança de comportamento (euforia, insônia, ansiedade e sonolência) Isoniazida Orientar Suor e urina cor de laranja Rifampicina Orientar Prurido cutâneo Isoniazida Rifampicina Medicar com anti-histamínico Hiperuricemia (com ou sem sintomas) Pirazinamida Etambuto......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...sensação de angústia. Podem ocorrer hiperestesia e parestesia no trajeto de nervos periféricos, próximos ao local da mordedura, e alterações de comportamento. A infecção progride, surgindo manifestações de ansiedade e hiperexcitabilidade crescentes, febre, delírios, espasmos musculares involuntários, generalizados e/ou convulsões. Espasmos dos músculos da laringe, faringe e língua ocorrem quando o......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal