FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Manual de Implementacao do Checklist Parte ii Antes de Iniciar a Cirurgia" obteve 13 resultados.

Página:  de 2

17/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist: Parte II - Antes de Iniciar a Cirurgia

...pede a cada um que diga seu nome e sua função, incluindo estudantes ou outras pessoas presentes; · Essa simples rotina ajuda a gerenciar as ações de cada um em possíveis momentos críticos; · Se todos já se conhecem e estão familiarizados, isso pode ser dito ao coordenador, que dará este item como OK. 2. Confirmação sobre o paciente (identificação do paciente, procedimento......

Ver Índice

17/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist: Parte II - Antes de Iniciar a Cirurgia

...omentânea para checagem de itens essenciais na segurança, e que envolve toda a equipe cirúrgica. Os detalhes de cada um dos itens desta fase do checklist são os seguintes: 1. Confirmação de nomes e funções de todos os membros da equipe · O coordenador do checklist pede a cada um que diga seu nome e sua função, incluindo estudantes ou outras pessoas presentes; · Essa si......

Ver Índice

04/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...ma vez que o cirurgião pode ter uma idéia mais clara sobre perda sangüínea, alergias, ou outros fatores complicadores do paciente. No entanto, a presença o cirurgião não é essencial para completar esta parte do Checklist. Para a segunda fase, (2) Antes de Iniciar a Cirurgia, cada membro da equipe irá se apresentar pelo próprio nome e função. Se já é uma equipe que trabalha em conjunto, os membros......

Ver Índice

04/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...tes de Iniciar a Cirurgia, cada membro da equipe irá se apresentar pelo próprio nome e função. Se já é uma equipe que trabalha em conjunto, os membros da equipe podem simplesmente confirmar que todos na sala conhecem uns aos outros. A equipe irá, imediatamente antes da incisão da pele, confirmar em voz alta qual é o paciente que será operado, qual o procedimento e qual a parte do corpo a ser opera......

Ver Índice

10/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist: Parte I - Antes da Indução Anestésica

...denador saiba de alguma alergia que o anestesista desconheça, deve informá-lo. 6. Risco de Via Aérea Difícil ou Broncoaspiração · A pergunta é feita ao anestesista; · Isso ajuda a garantir que o anestesista lembre de verificar a possibilidade de via aérea difícil (ex: Mallampati de 3 ou 4) e se há material disponível caso seja necessário; · Em caso de ......

Ver Índice

10/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Manual de Implementação do Checklist: Parte I - Antes da Indução Anestésica

...m disponível na sala junto com o anestesista. · O risco de broncoaspiração deve ser lembrado principalmente em pacientes que não tiveram tempo de jejum adequado, ajudando o anestesista a lembrar de ter atenção durante a indução anestésica. 7. Risco de perda sanguínea > 500mL (7mL/kg em crianças) · A pergunta é feita ao anestesista; · Essa pergunta é......

Ver Índice

26/09/2013

Hospitalar

Capítulo 2 – Desenho e avaliação de programas

...s de acreditação. · Organizações encaminhadoras ou receptoras, nos casos de transferência ou encaminhamento de pacientes quando, no momento do encaminhamento, a presença de infecção associada à assistência à saúde era desconhecida. Nota: Quando uma organização perceber que um paciente em processo de transferência é portador de infecção ativa que exija início ou mudança de tratamento, d......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Papel do enfermeiro na segurança do paciente e nos resultados do atendimento

...ipe. O uso do equipamento engloba a seleção, o fornecimento, a instalação e a manutenção do equipamento e dos suprimentos para a satisfação das necessidades do paciente e da equipe. Geralmente, inclui o equipamento móvel, assim como a administração dos suprimentos utilizados pelos membros da equipe (p. ex., luvas, seringas). O uso do equipamento não inclui o equipamento fixo, como os encanamentos......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Papel do enfermeiro na segurança do paciente e nos resultados do atendimento

...tação, após ser submetido à colocação de prótese do quadril, pode ser acompanhado desde a educação pré-admissão, por meio da investigação da admissão, anestesia e serviços cirúrgicos, atendimento intensivo, unidade de enfermagem habilitada, farmácia, serviços dietéticos e fisioterapia. Para cada área, fazer outra lista de pessoal representativo que necessita ser entrevistado e dos padrões apli......

Ver Índice

02/07/2015

Revisões Internacionais

Tratamento de Sintoma em Medicina Paliativa

...ntes hiperosmóticos e enemas, conforme a necessidade. Este regime também pode ser usado para tratamento de constipação por outras causas, tão logo a hipótese de obstrução intestinal seja excluída [ver Tabelas 8 e 9]. Tratamento. O tratamento da constipação é feito com agentes orais, enemas ou supositórios, e pode enfocar o amolecimento fecal, o aumento do volume fecal ou a promoção de peristaltis......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal