FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Nevo Acromico" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

22/03/2009

Revisões

Discromias

...a reduzida (azul), oxi-hemoglobina (vermelho) e melanina (marrom). A melanina é o principal determinante da coloração da pele, sendo que variações geneticamente controladas na sua quantidade e distribuição determinam as diferentes cores da raça humana. Discromias são alterações na coloração da pele resultantes da diminuição (hipomelanoses) ou do aumento (hipermelanoses) da melanina e da deposição......

Ver Índice

22/03/2009

Revisões

Discromias

...sequente lesão da mácula. O diagnóstico é clínico e auxiliado pela luz de Wood, que torna as lesões mais evidentes (branco-nacarado). Biópsia de pele é reservada aos casos duvidosos. Investigação laboratorial consiste em afastar associação com outras doenças já citadas: TSH e T4 livre, glicemia de jejum, hemograma completo, ACTH e cortisol. Diagnósticos diferenciais incluem: albinismo, nevo acrô......

Ver Índice

31/05/2009

Biblioteca Livre

Hanseníase

...as clínicas. Na hanseníase indeterminada, não há comprometimento de troncos nervosos, expressos clinicamente. Na hanseníase tuberculóide, o comprometimento dos nervos é mais precoce e mais intenso; 3) Os casos não classificados quanto à forma clínica serão considerados para fins de tratamento como multibacilares. Figura 1: Hanseníase indeterminada: mancha hipocrômica. Figura 2: Hansenías......

Ver Índice

18/05/2012

Revisões

Hanseníase

...s com algum grau de imunidade celular. Virchowianos (30% dos VV e 10% dos dimorfo- virchowianos). O risco aumenta com o número de bacilos. Época mais comum Principalmente entre o 2º e o 6º mês de tratamento. Pode ocorrer espontaneamente antes do puerpério. Após 6 meses de tratamento. Pode haver relapsos por vários anos. Desencadeantes: tratamento, vacinação, teste da tuberculina. ......

Ver Índice

12/04/2009

Revisões

Dermatologia Geriátrica

...os homens, e no lábio superior e mento nas mulheres. A idade de início da canície é geralmente condicionada por fatores hereditários, podendo ser mais precoce ou tardia. Inicia-se nas têmporas e gradualmente atinge todo o couro carbeludo. Após a canície, surge o embranquecimento dos pelos da barba, peitoral, púbis e axila. Unhas A taxa de crescimento ungueal diminui progressivamente, e as un......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...ária Rifampicina (RFM) – 10 a 20 mg/kg – Dapsona (DDS) – 1,5 mg/kg Dapsona (DDS) – 1,5 mg/kg Clofazimina (CFZ) – 5 mg/kg Clofazimina (CFZ) – 1 mg/kg · Nos casos de hanseníase neural pura, o tratamento com PQT dependerá da classificação (PB ou MB), conforme avaliação do centro de referência; além disso, faz-se o tratamento adequado do dano neural. Os pacientes deverã......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...s incapacidades e deformidades por ela causadas, levando a cura. É administrada através de esquema padrão, de acordo com a classificação operacional do doente em paucibacilar e multibacilar (Quadros 13, 14 e 15). A informação sobre a classificação do doente é fundamental para se selecionar o esquema de tratamento adequado ao seu caso. Para crianças com Hanseníase, a dose dos medicamentos do esquem......

Ver Índice

14/10/2015

Revisões Internacionais

Distúrbios da pigmentação

...is 2006;77:45. Davis EC, Callender VD. Postinflammatory hyperpigmentation: a review of the epidemiology, clinical features, and treatment options in skin of color. J Clin Aesthet Dermatol 2010;3:20–31. Polder KD, Landau JM, Vergilis-Kalner IJ, et al. Laser eradication of pigmented lesions: a review. Dermatol Surg 2011;37:572–95. Dereure O. Drug-induced skin pigmentation: epidemiology, diagn......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...ervisionada e da entrega dos medicamentos indicados para a automedicação é imprescindível para o tratamento adequado. A duração do tratamento PQT/OMS deve obedecer aos prazos estabelecidos: de 6 doses mensais supervisionadas de rifampicina, tomadas em até 9 meses, para os casos paucibacilares, e de 12 doses mensais supervisionadas de rifampicina, tomadas em até 18 meses, para os casos multibacila......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal