FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Organizacao Mundial de Saude" obteve 228 resultados.

Página:  de 23

04/03/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução - Primum Non Nocere

... para que lembremos que há riscos envolvidos em todo e qualquer momento para o doente, desde a tomada de uma medicação fundamental para um tratamento, mas que pode gerar uma reação adversa, até algo mais grave como uma cirurgia realizada no membro são ao invés de ser realizada no membro doente. RISCOS E EVENTOS ADVERSOS: UMA REALIDADE ALARMANTE Breve Histórico sobre Eventos Adversos Essa ......

Ver Índice

04/03/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução - Primum Non Nocere

...o presidente Bill Clinton convocou todas as agências de saúde federais para que aplicassem as recomendações da publicação, que eram balizadas por quatro afirmações: o problema dos danos causados por eventos adversos é grave; o principal problema está em sistemas falhos e não em falhas de pessoas; é necessário redesenhar os sistemas; e a segurança do paciente deve se tornar uma prioridade nacional.......

Ver Índice

12/12/2014

Revisões

Doping

...do o processo que envolve uma certificação final de doping, por serem certificações tão complexas, que atingem seres humanos e múltiplas organizações em todo o mundo, é fundamental que haja uma garantia total de qualidade de trabalho para que se autorize a realização desses controles. Um dos requisitos solicitados a um laboratório analítico para ser credenciado pelos organismos responsáveis é que......

Ver Índice

27/10/2009

Biblioteca Livre

Introdução

...evenção da Malária em Viajantes [Link Livre para o Documento Original] Série A. Normas e Manuais Técnicos MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Diretoria Técnica de Gestão Brasília / DF – 2008 Uma viagem pode expor o indivíduo a agravos à saúde, como acidentes, violência, riscos relacionados às condições ambientais e transmissão de doenças infecciosas. Os riscos de adoeci......

Ver Índice

08/08/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de manejo clínico e vigilância epidemiológica da Influenza

...nascidos IV. MONITORAMENTO DAS INTERNAÇÕES E DA MORTALIDADE POR INFLUENZA E PNEUMONIA Estratégias de monitoramento a) Núcleo Hospitalar de Epidemiologia (NHE) b) Sistema de Informações de Hospitalares (SIH) c) Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) V. VIGILÂNCIA SENTINELA PARA INFLUENZA VI. TELEFONES E LINKS ÚTEIS INTRODUÇÃO Dia......

Ver Índice

12/08/2009

Biblioteca Livre

Bibliografia Consultada

...plement-fixation test for distinguish naturally acquired from vaccine-induced yellow fever infection in flavivirus-hyperendemic areas. Am J Trop Med Hyg 1980;29(4):624-634. Monattii TP. Yellow fever: a medically negleeted disease. Report on a seminar. Rev Inf Dis;9(1):165-175. Mootrey G, Chen R, Lloyd J. VPD surveillance manual. Chapter 18. p. 18-1. Moreira MBR. Enfermagem em hanseníase. Brasí......

Ver Índice

12/09/2009

Revisões

Revisão sobre gripe suína - Influenza A (H1N1)

...> 60 anos de idade c.2. Avaliação em crianças - Cianose - Batimento de asa de nariz - Taquipnéia: 2 meses a menor de 1 ano (>50 IRPM); 1 a 5 anos (>40 IRPM) - Toxemia - Tiragem intercostal - Desidratação/Vômitos/Inapetência - Dificuldade para ingestão de líquidos ou amamentar - Estado geral comprometido - Dificuldades familiares em......

Ver Índice

14/09/2015

Biblioteca Livre

Prescrição de Medicamentos

...ticos, antidepressivos, diuréticos, hormônios ou extratos hormonais e laxantes, simpaticolíticos ou parassimpaticolíticos. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), autoridade regulatória brasileira, permite a venda livre, sem necessidade de prescrição médica, de alguns grupos de medicamentos para indicações terapêuticas especificadas na RDC Anvisa138/2003 27. Referências 1.ABREU,......

Ver Índice

10/09/2009

Biblioteca Livre

8 Referências Bibliográficas

...o da gerência técnica de malária. Brasília: [s.n.], 1993. ––––––. GUTIERREZ H. C. Combate à malária no Brasil: evolução situação e perspectivas. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. [S. l.: s. n.], n. 27, p. 91-108, 1994. Suplemento 3. ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE. Tratamento da malária grave complicada: condutas práticas. Brasília: [Ministério da Saúde], 1995. Versão adaptada......

Ver Índice

23/06/2009

Biblioteca Livre

CAPÍTULO 1 – Vigilância Epidemiológica

...ças selecionadas e disseminar informações pertinentes em um boletim epidemiológico de circulação quinzenal. Tal processo fundamentou a consolidação, nos níveis nacional e estadual, de bases técnicas e operacionais que possibilitaram o futuro desenvolvimento de ações de impacto no controle de doenças evitáveis por imunização. O principal êxito relacionado a esse esforço foi o controle da poliomieli......

Ver Índice

Página:  de 23

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal