FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Outras Tecnicas Para Manejo de Vias Aereas" obteve 55 resultados.

Página:  de 6

04/06/2018

Revisões

Outras Técnicas Para Manejo de Vias Aéreas

...m não tolerar o decúbito para entubação, mas podem permanecer sentados para realização da entubação nasotraqueal às cegas. Uma revisão de quase 9 mil intubações de ED mostrou que a intubação nasal foi utilizada em apenas 5% das intubações realizadas de 1997 a 2002. Um registro atual de mais de 17.500 intubações ED adulta entre 2002 e 2012 revelou que é inferior a 0,5%. Para realização do procedim......

Ver Índice

20/01/2014

Revisões Internacionais

Ressuscitação cardíaca – Terry J. Mengert

...ife support); prática e revisão regular; além de desenvolvimento de habilidades de liderança e trabalho em equipe. Seus elementos-chave incluem não só a ressuscitação em si, mas também a resposta ao anúncio do evento ( equipes de código azul), estabilização do paciente no pós-ressuscitação, notificação da família e prestador de assistência primária, códigos críticos e prestação de contas. Para aju......

Ver Índice

12/08/2015

Revisões Internacionais

Ressuscitação Cardíaca

...bsorvem para calcular a concentração de CO2, que posteriormente é mostrada em forma de onda (capnograma) correspondendo ao ciclo respiratório. Existem quatro fases em um capnograma normal [figura 6]. A primeira fase está correlacionada com o início da exalação quando o espaço morto anatômico (ausência de CO2) está vazio. A segunda fase é o forte aumento de CO2, e representa o esvaziamento alveolar......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Influenza Pandêmica A(H1N1)2009

...fluenza A humanos, já foram caracterizados três subtipos de hemaglutinina imunologicamente distintos (H1, H2 e H3) e duas neuraminidases (N1 e N2). A nomenclatura dos vírus influenza definida pela OMS inclui, na seguinte ordem: tipo de vírus influenza; localização geográfica onde o vírus foi isolado pela primeira vez; o número da série que recebe no laboratório e; ano do isolamento. Quando é influ......

Ver Índice

23/01/2012

Revisões Internacionais

Testes de função pulmonar

...tonov SA, Chung KF, Barnes PJ. Correlation between exhaled nitric oxide, sputum eosinophils, and methacholine responsiveness in patients with mild asthma. Thorax. 1998 Feb;53(2):91-5. 67. Massaro AF, Gaston B, Kita D, Fanta C, Stamler JS, Drazen JM. Expired nitric oxide levels during treatment of acute asthma. Am J Respir Crit Care Med. 1995 Aug;152(2):800-3. 68. Sandrini A, Ferreira I......

Ver Índice

08/08/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de manejo clínico e vigilância epidemiológica da Influenza

...s por influenza e pneumonia Tabela de CID-10 de influenza e pneumonia G05.1 J10.8 J14 J17.1 I41.1 J11.0 J15 (todos) J18.1 JO9 J11.1 J16.0 J18.9 J10.0 J12 (todos) J16.8 J10.1 J13 J17.2 V. VIGILÂNCIA SENTINELA PARA INFLUENZA O Sistema de Vigilância Sentinela (SVS/FLU) possui 62 unidades e tem como um de seus objetivo......

Ver Índice

16/05/2010

Revisões

Influenza A (H1N1) – Ações da Atenção Primária à Saúde - 25-03-10

...saco branco leitoso, o qual deve ser substituído quando atingir dois terços de sua capacidade, ou pelo menos uma vez a cada 24 horas, e identificados pelo símbolo de substância infectante, com rótulos de fundo branco, desenho e contornos pretos. Esses sacos brancos devem estar contidos em recipientes de material lavável, resistentes à punctura, ruptura e vazamento, com tampa provida de sistema de......

Ver Índice

22/08/2009

Revisões

Crise Epiléptica

...epiléptica em qualquer momento da vida é estimado entre 5% a 10%. Em cerca de 25% das crises, um fator causal pode ser identificado. Essas crises são denominadas crises agudas sintomáticas (ou crises provocadas). Os principais desencadeantes identificáveis de crises agudas sintomáticas são distúrbios no equilíbrio hidroeletrolítico ou ácido-básico (geralmente associadas a doenças clínicas), hipogl......

Ver Índice

26/10/2016

Revisões

Fibrose Cistica

...e de cloreto em várias das mutações da fibrose cística. Uma série de estudos mostrou melhora no VEF 1 de cerca de 10%, redução de cloro da concentração de cloro no suor, melhora da qualidade de vida e reduziu a frequência de exacerbações. Outra medicação estudada é o Ataluren, que foi estudada em distrofias musculares e em pacientes com fibrose cística resultando em alguma melhora na VEF1. Em co......

Ver Índice

17/04/2017

Revisões

Medicina Pré-Hospitalar

...eender os princípios de operacionalização dos serviços de emergência; IV) compreender os princípios básicos do manuseio de desastres; V) compreender os princípios da triagem pré-hospitalar e despacho; VI) aprender os princípios de pesquisa em APH; VII) compreender as características médico-legais do APH. Objetivos: · participar ativamente do APH; · descrever os componentes locais e socia......

Ver Índice

Página:  de 6

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal