FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Parte i – Vigilancia Epidemiologica Procedimentos e Situacao Das Doencas Infecciosas no br" obteve 28 resultados.

Página:  de 3

05/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sistemas de Informações

...podem ser importantes, como complemento das análises epidemiológicas, a exemplo de: número de consultas médicas por habitante ao ano, número de consultas médicas por consultório, número de exames/terapias realizados pelo quantitativo de consultas médicas. Outras Fontes de Dados Muitos outros sistemas são operados pela rede de serviços do SUS, que, mesmo sem base epidemiológica, podem ser util......

Ver Índice

05/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sistemas de Informações

... dados cadastrais das unidades de saúde, entre outros, que permitem a sua utilização para fins epidemiológicos. Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS – SIA/SUS Por obedecer à lógica de pagamento por procedimento, não registra o CID do diagnóstico dos pacientes e, portanto, não pode ser utilizado como informação epidemiológica, ou seja, seus dados não permitem o delineamento dos perfis d......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Influenza Pandêmica A(H1N1)2009

...nte atualizados pelo Ministério da Saúde com base nas orientações emanadas da Organização Mundial de Saúde (OMS) e OPAS, bem como do conhecimento que está sendo produzido no curso desse evento. Até o momento de edição deste livro, cerca de 1.329 artigos foram publicados nos principais jornais científicos do mundo sobre o tema. Agente Etiológico Vírus da Influenza pertence à família Ortomixivi......

Ver Índice

05/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Estrutura para Respostas às Emergências em Saúde Pública

...que se produza um evento que pode afetar adversamente a saúde de populações humanas. Em particular, para o RSI 2005 este risco é de maior interesse quando houver a possibilidade de propagação internacional ou possa representar um perigo grave e imediato. No propósito de facilitar a operacionalização da noção de emergência de importância internacional foi desenvolvido um “algoritmo de decisão” que ......

Ver Índice

16/05/2010

Revisões

Protocolo de Manejo Clínico de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) - 22-04-10

...r e vice-versa; • Friccionar as polpas digitais e unhas da mão esquerda contra a palma da mão direita, fechada em concha, fazendo movimento circular e vice-versa; • Esfregar o punho esquerdo, com o auxílio da palma da mão direita, em movimento circular e vice-versa; • Enxaguar as mãos, retirando os resíduos de sabonete; e evitar contato direto das mãos ensaboadas com a torneira; ......

Ver Índice

23/06/2009

Biblioteca Livre

CAPÍTULO 1 – Vigilância Epidemiológica

...idades de vigilância epidemiológica na estrutura das secretarias estaduais de saúde. O modelo da CEV inspirou a Fundação Serviços de Saúde Pública (FSESP) a organizar, em 1969, um sistema de notificação semanal de doenças selecionadas e disseminar informações pertinentes em um boletim epidemiológico de circulação quinzenal. Tal processo fundamentou a consolidação, nos níveis nacional e estadual, d......

Ver Índice

08/08/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de manejo clínico e vigilância epidemiológica da Influenza

...IS a) Informações gerais • Os agentes infecciosos prioritários para investigação etiológica são os vírus influenza e os agentes etiológicos responsáveis por quadros de pneumonia bacteriana. • As amostras de secreções respiratórias devem ser coletadas preferencialmente entre o 3º (terceiro) e 7º (sétimo) dia, após o início dos sintomas. • A técnica de diagnóstico preconizada pela......

Ver Índice

06/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hepatites Virais

...s da doença, e não mais que um mês após início da icterícia. Esta situação deve ser reavaliada e prolongada em surtos em instituições que abriguem crianças sem o controle esfincteriano (uso de fraldas), onde a exposição entérica é maior. Nestes casos de hepatite também se faz necessária a disposição adequada de fezes, urina e sangue, com os devidos cuidados de desinfecção e máxima higiene. Os par......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Meningites

...4.000.000UI/dia 200 a 400mg/kg/dia até 15g/dia 3/3h ou 4/4h 4/4h ou 6/6h 7 dias Haemophilus influenzae Cloranfenicol ou ceftriaxone 75 a 100mg/kg/dia até 6g/dia 100mg/kg/dia até 4g/dia 6/6 h 12/12h ou 24/24h) 7 a 10 dias Streptococcus pneumoniae Penicilina G. cristalina* 300 a 500 milUI/kg/dia até 24.000.000UI/dia 200 a 400mg/kg/dia até 15g/dia 3/3h o......

Ver Índice

24/06/2009

Biblioteca Livre

CAPÍTULO 3 – Sistemas de Informação em Saúde e Vigilância Epidemiológica

...de, que consolidam os dados estaduais e os repassam para o Ministério da Saúde. Em todos os níveis, sobretudo no municipal, que está mais próximo do evento, deve ser realizada a crítica dos dados, buscando a existência de inconsistências como, por exemplo, causas de óbito exclusivas de um sexo sendo registradas em outro, causas perinatais em adultos, registro de óbitos fetais com causas comp......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal