FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Uso Terapeutico de Varfarina – Parte 2 Inicio da Anticoagulacao no Ambiente Hospitalar" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

26/03/2012

Algoritmos

Uso terapêutico de varfarina – Parte 3: início da anticoagulação fora do ambiente hospitalar

..., INR recomendado e tempo de anticoagulação. Parte 2. Início da anticoagulação no ambiente hospitalar. Parte 3. Início da anticoagulação fora do ambiente hospitalar. Parte 4. Ajuste das doses de varfarina e frequência de monitoração no paciente em anticoagulação crônica. Parte 5. Reversão da anticoagulação e manejo de sangramentos. Parte 6. Manejo da anticoagulação no perioperatório. ......

Ver Índice

26/03/2012

Algoritmos

Uso terapêutico de varfarina – Parte 1: indicações, INR recomendado e tempo de anticoagulação

...ulação no longo prazo (Antithrombotic therapy for venous thromboembolic disease: American College of Chest Physicians Evidence-Based Clinical Practice Guidelines11). Ajudarão nesta decisão fatores de risco que aumentam a chance de recorrência, como o aumento de D-Dímero após a suspensão da terapia, síndrome pós-trombótica, sexo masculino e embolia pulmonar (maior risco do que TVP isolada). Testes ......

Ver Índice

11/01/2016

Revisões Internacionais

Transtornos do humor – Hasan A. Baloch, Jair C. Soares

...mento agudo da mania e de episódios mistos, bem como no tratamento de manutenção do transtorno bipolar.108,109 Este fármaco também foi aprovado como tratamento auxiliar combinado ao lítio e ácido valproico. Em estudos sobre esquizofrenia, a olanzapina apresentou níveis menores de descontinuação e maiores de ganho de peso, quando comparada a outros ASG.110 Aparentemente, este fármaco acarretou uma ......

Ver Índice

10/09/2014

Revisões

Embolia pulmonar

...er necessária a administração de uma terapia primária por meio da utilização de drogas trombolíticas, que atuam diretamente na dissolução do trombo. Combina-se a realização de trombólise exógena com a de trombólise endógena, complementada a seguir por tratamento anticoagulante, o qual exerce papel preventivo secundário de recorrência. Os métodos não farmacológicos (filtro de veia cava e embolectom......

Ver Índice

26/03/2012

Revisões Internacionais

Fibrilação atrial – Gregory F. Michaud (MD) e Roy M. John (MD, PhD)

....34 Os sintomas de FA são variáveis e incluem palpitações intermitentes, dispneia, fadiga, intolerância ao esforço, angina, insuficiência cardíaca e síncope. Um terço dos pacientes podem permanecer assintomáticos, sendo que a descoberta da FA nesses casos ocorre incidentalmente, durante os exames de rotina.37 Em pacientes com insuficiência cardíaca anteriormente compensada, doença valvar ou card......

Ver Índice

25/05/2012

Revisões Internacionais

Abordagem dos envenenamentos e das dosagens excessivas de medicamentos

...omo abstinência grave à droga hipnótico-sedativa como álcool ou opiácios. A fenciclidina, um anestésico dissociativo tipo cetamina, pode provocar efeitos estimulantes, mas as vítimas da dose excessiva geralmente têm encefalopatia com períodos de melhora e pióra e períodos de estupor flácido ou coma.23 Anticolinérgicos (ver acima) também podem causar dilatação pupilar, taquicardia e agitação, mas o......

Ver Índice

16/11/2018

Revisões Internacionais

Acidente Vascular Cerebral e Outras Doenças Cerebrovasculares

...mbora cada uma dessas modalidades tenha limitações potenciais. A prevenção de AVC secundário a uma dissecção arterial extracraniana consiste basicamente de terapia antiplaquetária. Embora não existam dados randomizados para dar suporte a esse regime, ao invés da terapia anticoagulação, os dados prospectivos não revelam quaisquer diferenças entre eventos isquêmicos ou hemorrágicos subsequentes ent......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...3% t Meia-vida: 5 a 15 horas t Metabolismo: hepático t Excreção: renal e biliar. Efeitos adversos t Tontura, lassidão, zumbido, incoordenação, fadiga, insônia, tremores e crises oculogiras. t Retenção urinária. t Visão borrada (diplopia). t Encefalopatia. t Coreoatetose (movimentos atetoides), distonia. t Febre e ataque cardíaco. t Dano tecidual grave no local das injeções, exantem......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

M

...imo de 0,4 mg/kg ou dose total de 10 mg, se necessário), por via intravenosa durante 2 a 3 minutos, aguardar por mais 2 a 3 minutos para avaliar o efeito sedativo, então iniciar o procedimento ou repetir a dose. t 12 a 16 anos de idade: iniciar com 1 a 2,5 mg, por infusão lenta, aumentando a taxa de infusão gradativamente até o máximo de 1,25 mg/min; aguardar por 2 minutos ou mais e avaliar o efe......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal