FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Checklist Baseado Nas Recomendacoes da Oms Reduz a Morbidade e Mortalidade Pos Operatoria" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...cedimentos podem ser prevenidas2,3, o que levou a organização mundial de saúde (OMS) a publicar diretrizes para assegurar a segurança dos pacientes cirúrgicos ao redor do mundo4. O Estudo Baseando-se nas diretrizes da OMS, os autores do estudo desenvolveram um checklist de 19 itens formulado para ser aplicável mundialmente e que pudesse reduzir as principais complicaçõe......

Ver Índice

21/01/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Checklist baseado nas recomendações da OMS reduz a morbidade e mortalidade pós-operatória

...bidade e mortalidade pós-operatória. Um Checklist de segurança cirúrgico para reduzir a morbidade e mortalidade em uma população global. A Surgical Safety Checklist to Reduce Morbidity and Mortality in a Global Population. N Engl J Med 2009;360:491-9. [Link Livre para o Artigo Original] Fator de impacto da revista (New England Journal of Medicine): 52,589 Contexto Clínico ......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

...Checklist. 4. Hospitais já não usam checklists? Muitos hospitais que já possuem controles locais, mas a sua utilização consistente é muitíssimo variável. Muitos desenvolveram a realização de uma checagem onde a equipe confirma a identidade do paciente, o procedimento, e o local de operação. A expansão dessas checagens de forma mais elaborada e sistematizada, entre......

Ver Índice

08/06/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS – Perguntas e Respostas Gerais

...gnificância estatística, a utilização do checklist reduziu a taxa de mortes e de complicações em mais de um terço em todos os 8 hospitais-piloto. A taxa de complicações maiores caiu de 11% para 7%, e da mortalidade hospitalar após grandes operações caiu de 1,5% para 0,8%, após aplicação do checklist. Além disso, o efeito foi de magnitude foi semelhante tanto em locais de situação econômica melhor ......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...m uma estimativa global para promover a segurança em cirurgias, prevenir doenças e melhorar o atendimento. 5. No mundo desenvolvido, quase metade de todos os eventos prejudiciais (como erros de comunicação, uso de medicação errada, e erros técnicos) que afetam os doentes nos hospitais, estão relacionados com cuidados cirúrgicos. A evidência sugere que pelo menos metade desses eventos é ev......

Ver Índice

31/05/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução à Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...primeiro é assumirmos que o problema existe e de fato é imenso. O segundo problema é a falta de dados básicos, devido à falta de controles e de padronizações quanto aos registros, e principalmente quanto à mortalidade ou eventos adversos atribuíveis às cirurgias. O terceiro grande problema é que as práticas seguras quanto ao ato cirúrgico não são realizadas de forma consistente em nenhum país. E i......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...dultos a recebem, enquanto que pacientes pediátricos recebem até menos, apenas 47%. É difícil explicar porque isso ocorre, já que os próprios médicos reconhecem a necessidade de sistemas mais seguros. Muitas devem ser as causas envolvidas: falta de atualização, sensação de estar ferindo sua autonomia ao seguir um protocolo, ou mesmo a não adoção de práticas ainda pouco estudadas e pouco fundamenta......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...eja, em equipe. Isso ocorre principalmente quando muitos fatores estão envolvidos no processo de tomada de decisão, e uma equipe torna maior a possibilidade de se tomar o caminho “mais sábio”. Isso pode ser aplicável de forma simples inclusive, escutando a enfermagem, um residente e mesmo o paciente, antes de tomar uma conduta diante de uma situação complicada. É importante ressaltar que os médic......

Ver Índice

04/04/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Autonomia Médica x Uso de Padronização – Em busca do equilíbrio com foco na segurança do paciente

...para melhorar esses desfechos. Os médicos precisam participar da elaboração e acreditar em protocolos como ferramenta fundamental para uma prática segura. 3. As evidências que devem ser usadas e a forma de criação de protocolos e padrões devem também ser criteriosas e constantemente melhoradas. Muitos são os interessados nos resultados da assistência médica: o paciente, o hospital, os convênio......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.