FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Gerenciamento de Risco e Seguranca do Paciente" obteve 259 resultados.

Página:  de 26

30/05/2017

Revisões Internacionais

Abordagem aos Pacientes Geriátricos

...ais comuns de perda de visão, nessa faixa de pacientes, são degeneração macular relacionada à idade, catarata, glaucoma e retinopatia diabética, conforme mostra o Quadro 4. Quadro 4 PRINCIPAIS CAUSAS DE PROBLEMAS VISUAIS NA POPULAÇÃO GERIÁTRICA Distúrbio Definição Degeneração macular relacionada à idade Distúrbio degenerativo da mácula; pode resultar em danos na visão ......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Usando os padrões da Joint Commission para gerenciar o fluxo de pacientes e prevenir a superlotação

...descrevem estratégias, ações e responsabilidades de mitigação[*****], preparação[†††††], reação e recuperação para cada prioridade emergencial. 6. O plano estabelece processos para iniciar suas fases de reação e recuperação, incluindo uma descrição de como, quando e por quem as fases serão ativadas. 7. O plano estabelece processos para notificar os profissionais quando forem iniciadas as m......

Ver Índice

14/05/2013

Hospitalar

Usando os padrões da Joint Commission para gerenciar o fluxo de pacientes e prevenir a superlotação

...ador remanejar pessoal de qualquer outro lugar do hospital apenas para ter um pouco mais de ajuda. Mas os profissionais devem ser bem qualificados para realizar suas responsabilidades de trabalho. Cabe ao hospital ter um plano que estabeleça o tipo de pessoal adicional necessário nos horários de pico e como o pronto-socorro vai ter acesso a esse pessoal. Por exemplo, um técnico em flebotomia pode ......

Ver Índice

22/03/2017

Revisões Internacionais

Disfunção Sexual Masculina

...na e mucosa bucal, cujas colheitas são feitas nos próprios pacientes.85 Entretanto, até o presente momento, ainda não foi identificado o enxerto ideal. Algumas revisões cirúrgicas avaliaram os resultados cirúrgicos de um único centro, com relatos de DE em até 24% e curvatura peniana recorrente ou persistente em até 12% de casos.86 Prótese peniana para tratamento da DP. O implante peniano se to......

Ver Índice

14/03/2010

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Classificação Internacional para a Segurança do Paciente da OMS – Sistema de Resiliência

...ão da equipe, mudança cultural, gestão do sinistro); · Este item, é considerado de prevenção terciária, visto que só ocorre após a ocorrência do incidente. Ações Tomadas para Diminuição do Risco · São as medidas tomadas para evitar a repetição de incidentes idênticos ou semelhantes aos de casos prévios, aumentando a resiliência do sistema. a) Para o paciente: assist......

Ver Índice

10/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Objetivos da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...rúrgicos. 9. A equipe irá se comunicar efetivamente e trocará informações críticas sobre o paciente para garantir uma condução segura da cirurgia. 10. Hospitais e sistemas de saúde pública estabelecerão uma rotina de vigilância quanto à capacidade cirúrgica, volume cirúrgico, e os resultados cirúrgicos. Objetivos da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS Lucas Santos Zambo......

Ver Índice

10/07/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Objetivos da Campanha “Cirurgia Segura Salva Vidas” da OMS

...medicamento conhecido por ser um risco significativo para o paciente. 6. A equipe irá consistentemente usar métodos conhecidos para minimizar os riscos de infecção do sítio cirúrgico. 7. A equipe irá impedir a retenção inadvertida de instrumentos ou compressas em feridas cirúrgicas. 8. A equipe irá garantir a identificação precisa de todos os espécimes cirúrgicos. 9......

Ver Índice

08/03/2010

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Classificação Internacional para a Segurança do Paciente da OMS – Informações Descritivas

...o incidente; 3) os fatores contribuintes/riscos; e 4) os desfechos na instituição. Além de servir para descrição, sua grande função é trazer informações que poderão compor as ações que serão introduzidas para diminuir os riscos para o mesmo tipo de incidente, ou incidentes semelhantes. A conceituação destes itens é a seguinte: Características do Paciente · São as características de......

Ver Índice

04/03/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução - Primum Non Nocere

...s) por dia, por hospital, e como há 7.543 hospitais no Brasil segundo a Federação Brasileira dos Hospitais, então teoricamente poderíamos ter em torno de 7.543 danos por dia, 226.290 por mês e 2.715.480 por ano. Caso fôssemos calcular o número de eventos adversos para o Brasil usando o número de 40 eventos por 100 internações (como sugere o Institute for Healthcare Improvement), e com base nos d......

Ver Índice

04/03/2009

Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente

Introdução - Primum Non Nocere

... Press; 2000. 3. McCannon CJ, Hackbarth AD, Griffin FA. Miles to go: an introduction to the 5 Million Lives Campaign. Jt Comm J Qual Patient Saf 2007;33(8):477-84. 4. Mendes Jr WV, Travassos C, Martins M. Avaliação da ocorrência de eventos adversos em hospital no Brasil (tese). Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz; 2007. 5. Institute of Healthcare Improvement – Campanha 5 Milhões d......

Ver Índice

Página:  de 26

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A

Cnpj: 11.012.848/0001-57

info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.