FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Índice

Estrogênios Conjugados

Última revisão: 19/12/2010

Comentários de assinantes: 0

>Reproduzido de:>>>>>

>Formulário Terapêutico Nacional 2008: Rename 2006 [>Link Livre para o Documento Original>>]>>>>>

>Série B. Textos Básicos de Saúde>>>>>

>MINISTÉRIO DA SAÚDE>>>>>

>Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos>>>>>

>Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos>>>>>

>Brasília / DF2008>>>>>

>>> >>>>

>>Estrogênios Conjugados>>>>>

>> >>>

>Karen Luise Lang>>>>>

>>> >>>>

>>Na Rename 2006: item 17.4.1>>>>>

>>> >>>>

>>APRESENTAÇÕES>>>>>>>

>      >>>Comprimidos 0,3 mg.>>>>

>      >>>Creme vaginal 0,625 mg/g.>>>>

>>> >>>>

>>INDICAÇÕES>1,4,5>>>>>>>>>>

>      >>>Sintomas urogenitais em mulheres histerectomizadas.>>>>

>>> >>>>

>>CONTRA-INDICAÇÕES>2,4,5>>>>>>>>>>

>      >>>Histórico de distúrbios tromboembólicos arteriais.>>>>

>      >>>Histórico de tromboses venosas ou embolia pulmonar.>>>>

>      >>>Histórico ou suspeita de tumor de mama.>>>>

>      >>>Neoplasias estrógeno-dependentes.>>>>

>      >>>Doença hepática.>>>>

>      >>>Hemorragia vaginal não-diagnosticada.>>>>

>      >>>Hiperplasia de endométrio.>>>>

>      >>>Lactação (ver >>Apêndice BFármacos e Lactação>>>>>).>>>>

>      >>>Categoria de risco na gravidez (FDA): X (ver >>Apêndice AFármacos e Gravidez>>>>>).>>>>

>> >>>

>>PRECAUÇÕES>1,2,4-6>>>>>>>>>>

>      >>>Aumento do risco de eventos cardiovasculares, trombose venosa profunda e embolia pulmonar, trombose vascular da retina (suspender se ocorrer perda da visão completa ou parcial, proptose, diplopia ou enxaqueca), hipertensão arterial sistêmica, disfunção hepática e colestase, câncer de endométrio em mulheres com útero intacto, câncer de mama, demência.>>>>

>      >>>Cautela quando houver hemangiomas hepáticos, endometriose, metástases ósseas, tumor de mama, melanoma, diabetes melito, obesidade, hipercolesterolemia, hipertrigliceridemia, hipotiroidismo, enxaqueca, epilepsia, porfiria, disfunção renal (ver >>Apêndice DFármacos e Nefropatias>>>>>), lúpus eritematoso sistêmico, asma, tabagismo.>>>>

>      >>>Em caso de cirurgia, a paciente deve suspender o uso 4 a 6 semanas antes ou receber tromboprofilaxia.>>>>

>      >>>Estrógenos podem predispor pacientes a hemorragias nas gengivas.>>>>

>> >>>

>>ESQUEMAS DE ADMINISTRAÇÃO>4-6>>>>>>>>>>

>Adultas>>

>>Vaginite Atrófica e Atrofia Vulvar>>>>>>>

>      >>>Dose de 0,3 a 1,25 mg, por via oral, diariamente (continuamente ou ciclicamente). Dependendo da resposta clínica, interromper o uso em 6 meses.>>>>

>      >>>0,5 a 2 g (creme vaginal 0,625 mg/g), por via intravaginal, diariamente (continuamente ou ciclicamente, 3 semanas sim e 1 não). Dependendo da resposta clínica, interromper o uso em 6 meses.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACOCINÉTICOS CLINICAMENTE RELEVANTES>4,5>>>>>>>>>>

>      >>>É bem absorvido por via transvaginal.>>>>

>      >>>Metabolização preponderantemente hepática.>>>>

>      >>>Meia-vida: aproximadamente 4 horas (transvaginal).>>>>

>      >>>Excreção renal.>>>>

>>> >>>>

>>EFEITOS ADVERSOS>1,2,4-6>>>>>>>>>>

>      >>>Mais freqüentes: hipercalcemia, dor e sensibilidade nas mamas, galactorréia, náuseas, cólicas e edema abdominal, cefaléia, enxaqueca, alteração de humor, retenção de fluidos, ginecomastia, anormalidades lipídicas, vertigens, depressão, aumento de peso.>>>>

>      >>>Menos freqüentes: hipertensão, infarto do miocárdio, tromboflebite, desordens tromboembólicas, alterações da libido, cloasma, melasma, tumor de mama e ovário, neoplasia de endométrio, distúrbios da vesícula biliar, colestase, pancreatite, acidente vascular cerebral, alterações na visão, embolia pulmonar, edema, >rash >cutâneo, hirsutismo, alopecia, candidíase vaginal, intolerância a glicose, cãimbras em membros inferiores, vômitos, perda de peso.>>>>

>> >>>

>>INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS>1,2,5,6>>>>>>>>>>

>      >>>Claritromicina, cetoconazol e itraconazol podem elevar a concentração plasmática dos estrógenos pela inibição do seu metabolismo.>>>>

>      >>>Erva-de-são-joão (>Hypericum perforatum>) pode induzir a metabolização do estrógeno, com conseqüente redução da concentração plasmática e comprometimento de sua eficácia.>>>>

>      >>>A administração simultânea com levotiroxina pode reduzir a concentração sérica de tiroxina livre.>>>>

>      >>>Ginseng pode provocar efeitos estrogênicos aditivos. Caso ocorram sintomas como mastalgia e sangramentos entre menstruações, a dose de ginseng deve ser reduzida.>>>>

>> >>>

>>ORIENTAÇÕES AOS PACIENTES>5>>>>>>>>

>      >>>Orientar para a ingestão com alimentos ou próximo às refeições para redução das náuseas.>>>>

>      >>>Orientar para informar suspeita de gravidez.>>>>

>> >>>

>>ASPECTOS FARMACÊUTICOS>5>>>>>>>>>>

>      >>>Deve-se manter ao abrigo de ar e luz e à temperatura ambiente, de 15 a 30°C.>>>>

>> >>>

>>SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO>>>>>>>

>Consta no documento:>>>>

>Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte e que não seja para venda ou qualquer fim comercial.”>>>>

>O objetivo do site MedicinaNet e seus editores é divulgar este importante documento. Esta reprodução permanecerá aberta para não assinantes indefinidamente.>>>>

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.