FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Caso 15" obteve 2335 resultados.

Página:  de 234

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

...erização de fibrina e a ligação do fibrinogênio à superfície das plaquetas (através da glicoproteína IIb-IIIa), interferindo assim na formação do coágulo de fibrina e na agregação de plaquetas. A coagulopatia de consumo, combinada com a alta concentração de produtos da degradação da fibrina leva à grave diátese hemorrágica, e explica o fato de que a terapia de suporte com Plasma Fresco Congelado ......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

... após 28 dias são consideradas tardias, mas, mesmo assim, devem ser aproveitadas e encaminhadas ao laboratório de referencia estadual para a realização da pesquisa de IgM. É importante ressaltar que resultados não reagentes para IgM não descartam a possibilidade de infeccao recente pelo vírus da Rubéola. Não está indicada, na rotina do pré-natal, a realização de pesquisa sorológica para Rubéola em......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...realmente necessário fazer o exame e a gestante, além de assintomática, não apresente historia de contato prévio com alguma doenca exantemática e nem registro da vacina na carteira de vacinação, devera ser realizada a pesquisa de IgG que, sendo negativa, orienta vacinação pós-natal; se positiva, indica imunidade. O material a ser colhido é sangue venoso sem anticoagulante, na quantidade de 5 a 10......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...pecialmente os dados sobre a situação clínica e epidemiológica do caso suspeito. A investigação, de forma geral, é iniciada no domicílio do caso suspeito de sarampo, por meio da visita domiciliar feita especialmente para: • completar as informações sobre o quadro clínico apresentado pelo caso suspeito; • confirmar a situação vacinal do caso suspeito e seus contatos familiares, soci......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...ntes de prevenção tanto em relação ao ser humano quanto à fonte de infecção. Agente Etiológico O vírus rábico pertence ao gênero Lyssavirus, da família Rhabdoviridae. Possui aspecto de um projétil e seu genoma é constituído por RNA. Apresenta dois antígenos principais: um de superfície, constituído por uma glicoproteína, responsável pela formação de anticorpos neutralizantes e adsorção vírus-......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral

...tado (60%). A razão da maior susceptibilidade em crianças é explicada pelo estado de relativa imaturidade imunológica celular agravado pela desnutrição, tão comum nas áreas endêmicas, além de maior exposição ao vetor no peridomicílio. Por outro lado, o envolvimento do adulto tem repercussão significativa na epidemiologia da leishmaniose visceral, pelas formas frustras (oligossintomáticas) ou assi......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...lta, o tratamento PQT/OMS não deverá ser reiniciado. Durante o tratamento quimioterápico deve haver preocupação com a prevenção de incapacidades e deformidades, bem como o atendimento às possíveis intercorrências. Nestes casos, se necessário, o paciente será encaminhado para unidades de referência, para receber o tratamento adequado. Sua internação somente está indicada em intercorrências graves,......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

... a coleta de amostras para investigação, conforme orientações no Item VI, deste documento. · Internar o paciente em isolamento respiratório, conforme Item VIII. · Tratar o paciente conforme recomendações no Item V, quando indicado. Importante: Após atendimento na unidade de referência e classificação do caso como suspeito ou em monitoramento a Secretaria Estadual de Saúde deverá no......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...tância da higienização das mãos. • A higienização das mãos em serviços de saúde pode ser realizada utilizando-se: água e sabonete, preparação alcoólica ou anti-séptico degermante. • A higienização das mãos com água e sabonete é essencial quando as mãos estão visivelmente sujas ou contaminadas com sangue ou outros fluidos corporais. • Deve-se higienizar as mãos com preparação alco......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...âmetro. Caso a prova intradérmica seja positiva, o soro deverá ser administrado com as seguintes precauções: • injetar um anti-histamínico 15 minutos antes da aplicação do soro: 1 ampola de 2 ml de prometazina/fenergan tem 50mg. Recomenda-se: para crianças: 0,5mg/kg/dose, via intramuscular; para adultos: 100-1.000mg/dia, via intramuscular; • manter sempre à mão adrenalina mile......

Ver Índice

Página:  de 234

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal