FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Caso 7" obteve 2352 resultados.

Página:  de 236

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

... ser normais, e a trombocitopenia pode ser leve ou ausente. Tromboses geralmente predominam sobre sangramentos em termos de quadro clínico, embora muitos pacientes sejam assintomáticos com provas apenas em laboratório de aumento da geração de trombina e fibrinólise. Tabela 1 – Parâmetros Laboratoriais da CIVD Aguda e Crônica Parâmetro CIVD AGUDA CIVD CRÔNICA Plaquetas ......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...o de SRC IgM – Vacinar após o parto Entre 29 e 42 dias IgM + Acompanhar RN suspeito de SRC IgM – Realizar pesquisa de IgG Após 43 dias IgM + Acompanhar RN suspeito de SRC IgM – Realizar pesquisa de IgG IgG + Não se pode afirmar que houve infecção. Acompanhar RN suspeito de SRC IgG – Vacinar após o parto Não existem indicações par......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...riginada por um caso importado, de acordo com a analise dos dados epidemiológicos e/ou virológicos. · Caso com origem de infecção desconhecida - Caso em que não foi possível estabelecer a origem da fonte de infeccao após a investigação epidemiológica minuciosa. · Caso índice - Primeiro caso ocorrido entre vários casos de natureza similar e epidemiologicamente relacionados, sendo a fonte ......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...antibióticos; » congelar (preferencialmente) os espécimes centrifugados a -70ºC e enviá-los ao Centro de Referência Nacional para o Sarampo, na Fiocruz/RJ, em gelo seco, dentro de, no máximo, 72 horas. Para orientação geral e interpretação dos resultados dos exames laboratoriais frente a um caso suspeito de sarampo, ver Anexo 1. SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no docum......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...ação: 0, 7, 28. Via de administração e dose: intramuscular profunda, utilizando dose completa; ou havendo capacitação técnica, por via intradérmica, utilizando a dose de 0,1ml. Local de aplicação: músculo deltóide ou vasto lateral da coxa (não aplicar em glúteo). Controle sorológico: a partir do 14º dia após a última dose do esquema. Resultados: • insatisfatório – se o título de anticorp......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral

...ença de caráter eminentemente rural. Mais recentemente, vem se expandindo para áreas urbanas de médio e grande porte e se tornou crescente problema de saúde pública no país e em outras áreas do continente americano, sendo uma endemia em franca expansão geográfica. É uma doença crônica, sistêmica, caracterizada por febre de longa duração, perda de peso, astenia, adinamia e anemia, dentre outras man......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

...ipertensão arterial; • disseminação de infestação por Strongyloides stercoralis; • disseminação de tuberculose pulmonar; • distúrbios metabólicos: redução de sódio e potássio, aumento das taxas de glicose no sangue, alteração no metabolismo do cálcio, levando à osteoporose e à síndrome de Cushing; • gastrointestinais: gastrite e úlcera péptica; • outros efeitos: agrav......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

...e proteção respiratória deverá estar adequadamente ajustada à face. A forma de uso, manipulação e armazenamento deve seguir as orientações do fabricante. Recomenda-se o manuseio cuidadoso dessa máscara a fim de não contaminar a sua face interna e externa. Recomenda-se descartá-la imediatamente após o uso em procedimentos com risco de geração de aerossol. 2.3. EPI: Luvas de Procedimentos Não-ci......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...ão visivelmente sujas ou contaminadas com sangue ou outros fluidos corporais. • Deve-se higienizar as mãos com preparação alcoólica (sob as formas gel ou solução) quando estas não estiverem visivelmente sujas. 1. O vírus da influenza sazonal é rapidamente inativado em 30 segundos após antisepsia das mãos com álcool 70%. 2. Determinados vírus envelopados (ex: herpes simples, HIV, infl......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

...io hipotônico-hiporresponsivo até 48 horas após a administração da vacina (vide Manual de Procedimentos para Vacinação). • Eventos adversos: a maioria dos eventos pós-vacinação com DTP são de caráter benigno e ocorrem nas primeiras 48 horas após a aplicação da vacina. São comuns reações locais (vermelhidão, calor, endurecimento e edema, acompanhados ou não de dor) e sistêmicas (febre, irrita......

Ver Índice

Página:  de 236

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente no período de 18/03/2020 a 31/03/2020. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail: info@medicinanet.com.br.