FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Febre em Criancas no Departamento de Emergencia" obteve 89 resultados.

Página:  de 9

16/05/2010

Revisões

Influenza A (H1N1) – Ações da Atenção Primária à Saúde - 25-03-10

...s de saúde com doença respiratória aguda na assistência ao paciente; • Utilizar lenço descartável para higiene nasal; • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; e • Higienizar as mãos após tossir ou espirrar. 3.2.1. Equipamentos de Proteção Individual – EPI Máscara cirúrgica Deve ser utilizada para evitar a contamin......

Ver Índice

01/11/2009

Artigos

Tratamento de lactentes com febre no departamento de emergências

...ço das visitas a um pronto-socorro pediátrico tenham como queixa principal a febre. Febre sem foco primário aparente ocorre em cerca de 20% das crianças com febre que procuram atendimento de emergência e, embora a maioria apresente condições clínicas sem gravidade é muitas vezes difícil distinguir aquelas com condições mais graves. Crianças pequenas com menos de 90 dias de vida estão sob maior ris......

Ver Índice

27/04/2017

Revisões

Afogamento

...nais cardiovasculares estáveis e função neurológica alerta desperta e sobrevive com incapacidade mínima, enquanto aqueles que chegam com função cardiovascular e coma instáveis evoluem mal por causa do insulto hipóxico-isquêmico. Os preditores não são precisos para 15 a 20% das vítimas de afogamento cuja condição, na chegada ao pronto-socorro, está entre esses dois extremos. Os órgãos finais podem ......

Ver Índice

16/11/2012

Revisões Internacionais

Tuberculose – Henry M. Blumberg, Michael K. Leonard Jr.

...-se um curso terapêutico de 9 a 12 meses. O prolongamento da terapia também deve ser considerado em casos de pacientes com tuberculose que respondem lentamente ao tratamento, seja qual for o sítio afetado. A adição de corticosteroides é recomendada para pacientes com pericardite e meningite tuberculosa, porque resulta na melhora do resultado e diminui a mortalidade.3,85,86 Foram desenvolvidas di......

Ver Índice

09/01/2015

Artigos

Proteína C-Reativa seriada para diferenciar infecções em pediatria

...alidades: Medicina de Emergência/Pediatria/Infectologia Contexto Clínico Um desafio clínico na avaliação de febre em pacientes pediátricos é a diferenciação entre uma infecção bacteriana que requer antibiótico e uma infecção viral que geralmente é autolimitada e precisa apenas da prescrição de sintomáticos. Uma possibilidade seria o uso da proteína C-reativa (PCR), que já vem sendo usada pa......

Ver Índice

19/03/2018

Revisões

Intoxicação por Hidrocarbonetos

... risco de vômito e aspiração, de modo que também não é recomendado. Induzir vômito com xarope de ipeca também é fortemente contraindicado. Deve-se tratar pacientes hipotensos com ressuscitação volêmica agressiva, mas, se possível, evitar medicações vasopressoras como dopamina, norepinefrina e epinefrina. As catecolaminas podem causar arritmias, especialmente após exposição a hidrocarbonetos halog......

Ver Índice

26/09/2013

Hospitalar

Capítulo 2 – Desenho e avaliação de programas

... de dispositivos/dia para infecções na corrente sangüínea associadas ao PICC e número de internações para infecções na corrente sangüínea sem uso de dispositivos. Fontes de Dados 1. Relatório trimestral sobre o número de dispositivos PICC/dia fornecido pelo coordenador de terapia intravenosa, pela área de radiologia e pelos relatórios trimestrais do número de internações gerados pelo sist......

Ver Índice

22/08/2012

Revisões Internacionais

Cefaleia – Randolph W. Evans

...a, compressiva, ardente ou lancinante. Cerca de 30% dos pacientes descrevem uma dor latejante ou pulsátil. As cefaleias em salvas surgem de maneira rápida, atingindo o pico de intensidade em 5 a 10 minutos, e geralmente apresentam curta duração (30 a 45 minutos), embora em uma minoria de pacientes a duração da dor chegue a 3 horas (ou raramente seja ainda mais longa). Durante os ataques, a maioria......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina contra Meningococo A e C

...Insumos Estratégicos Brasília / DF – 2008 Vacina contra Meningococo A e C Sara de Jesus Oliveira Maria Inês Toledo Na Rename 2006: item 7.2 SINONÍMIA • Vacina contra meningite A e C (DCB). APRESENTAÇÃO • Pó para suspensão injetável. INDICAÇÃO390 • Imunização ativa contra a meningite meningocócica por Neisseria meningitidis sorogrupos A e C. CONTRA-IN......

Ver Índice

16/05/2010

Revisões

Protocolo de Manejo Clínico de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) - 22-04-10

...ita contra o dorso da mão esquerda, entrelaçando os dedos, e vice-versa; • Friccionar a palma das mãos entre si, com os dedos entrelaçados; • Friccionar o dorso dos dedos de uma mão com a palma da mão oposta, segurando os dedos e vice-versa; • Friccionar o polegar direito, com o auxílio da palma da mão esquerda, em movimento circular e vice-versa; • Friccionar as polpas dig......

Ver Índice

Página:  de 9

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A

Cnpj: 11.012.848/0001-57

info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.