FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Doencas Frequentes da Vulva" obteve 26 resultados.

Página:  de 3

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

...os. Tabletes de nistatina 500.000 UI, associados ao creme vaginal por 15 noites, e outros tratamentos orais e tópicos estão disponíveis; os últimos podem levar à sensibilização. Agentes como fluconazol, cetoconazol e itraconazol podem ser usados semanalmente por 2 ou 3 meses em casos recorrentes. Principalmente nas infecções por C. glabrata, há boa resposta ao uso de óvulos vaginais de ácido bóric......

Ver Índice

14/02/2009

Revisões

Doenças Frequentes da Vulva

... diferentes em epidemiologia, clínica, patologia e perfil molecular. Assim, a NIV é classificada em tipo diferenciado e tipo usual. O primeiro relacionado ao líquen escleroso, sendo o tipo usual relacionado ao HPV. O tratamento consiste na remoção cirúrgica das lesões, com altas taxas de recorrência. A taxa de progressão para invasão das lesões não-tratadas é controversa, podendo chegar a 10%. A......

Ver Índice

11/11/2016

Revisões Internacionais

Infeccoes Micoticas em Hospedeiros Comprometidos

...erificar a possível presença de lesões de coriorretinite na forma de bolas brancas de algodão produzidas por endoftalmite causada por candidíase hematógena, que poderá resultar em cegueira permanente caso a condição não seja tratada de maneira apropriada. Candidúria. Os laudos laboratoriais de Candida na urina mostram a contaminação de amostras pela flora vaginal, por colonização de cateteres uri......

Ver Índice

05/06/2009

Biblioteca Livre

Co-morbidades e Co-infecções no paciente com HIV

...sona) nas formas graves 25,33. A dose de prednisona mais freqüentemente utilizada é de 1 mg/kg dia, por um período de pelo menos 30 dias (Nível de Evidência 5, Grau de Recomendação D); a retirada da prednisona deve ser lenta e após melhora significativa das lesões. Não existe indicação para interromper a TARV em função dessa síndrome. Referências Bibliográficas 1. Barnes PF, Lakely DL, Bur......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

...ez devem ser acompanhadas por meio de citologia oncológica e colposcopia, após o parto. Recomendação Na gestante, tratar apenas as lesões condilomatosas. As lesões subclínicas serão acompanhadas com colpocitologia durante a gestação e reavaliadas para tratamento após 3 meses do parto. Características Epidemiológicas Doença de distribuição universal, acomete homens e mulheres de qualquer ......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Infecção pelo Papiloma Vírus Humano (HPV)

...a pelo marcado aumento da vascularização, seja pelas alterações hormonais e imunológicas que ocorrem nesse periodo. A escolha do tratamento vai basear-se no tamanho e número das lesões (nunca usar nenhum método químico durante qualquer fase da gravidez): lesões pequenas, isoladas e externas: termo ou criocauterização em qualquer fase da gravidez; pequenas, colo, vagina e vulva: termo ou criocauter......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

8 Infecção pelo Papilomavírus Humano (HPV)

...il manejo por outros métodos, como por exemplo, lesões em fórnices e nas pregas vaginais. Produz escassa perda sangüínea e bons resultados estéticos, principalmente na vulva e vagina. A necessidade de treinamento especial do médico e o alto custo do equipamento, limitam o seu uso. Exérese Cirúrgica É método apropriado para o tratamento de poucas lesões quando é desejável exame histopatológico......

Ver Índice

25/10/2009

Biblioteca Livre

5 Síndromes Clínicas Principais

...ro mole: Tabela 2: Opções terapêuticas para úlceras genitais (exceto herpes). Agente 1ª opção 2ª opção Outras situações Sífilis Penicilna G Benzatina, 2.4 milhões UI, via IM, em dose única (1,2 milhão UI em cada nádega), ou Doxiciclina 100 mg, VO de 12/12 horas, por 14 dias ou até a cura clínica (contra-indicado para gestantes e nutrizes); Alergia a penicilina -......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

...vulva. Observação: As associações entre diferentes DST são frequentes, destacando-se, atualmente, a relação entre a presença de DST e o aumento do risco de infecção pelo HIV, principalmente na vigência de úlceras genitais. Desse modo, se o profissional estiver capacitado a realizar aconselhamento, pré e pós-teste, para detecção de anticorpos anti-HIV quando do diagnóstico de uma ou mais DST, e......

Ver Índice

30/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

herpes simples

... por Kg de peso, EV, de 8/8 horas, por 5 a 7 dias, ou até resolução clínica. · Gravidez - Deve ser considerado o risco de complicações obstétricas, particularmente se a primoinfecção ocorrer durante a gravidez. A infecção primária materna no final da gestação oferece maior risco de infecção neonatal do que o Herpes Genital recorrente. As complicações do Herpes na gestação são numerosas. Entre......

Ver Índice

Página:  de 3

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal