FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Caso 17" obteve 2375 resultados.

Página:  de 238

27/01/2015

Casos Clínicos

Caso Clínico – Qual o diagnóstico hematológico deste caso?

...lmente insuficientes para corrigir completamente o quadro. Os tempos de coagulação se tornam prolongados e o potencial para hemorragias aumenta. A CIVD crônica pode se desenvolver quando o sangue é contínuo ou intermitente exposto a pequenas quantidades de fator tecidual (ou outras substâncias pró-coagulantes). Os fatores de coagulação e as plaquetas são consumidas, mas a produção é capaz de com......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...s 12 meses de idade. · Via de administração - A vacina tríplice viral é administrada por via subcutânea, de preferencia na face externa da parte superior do braço (região deltoide). · Contraindicações e precauções - As vacinas virais atenuadas não devem ser aplicadas em indivíduos com imunodeficiência congênita ou adquirida; com neoplasias; historia de reação anafilática em dose anterior......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...ransmissão originada por um caso importado, de acordo com a analise dos dados epidemiológicos e/ou virológicos. · Caso com origem de infecção desconhecida - Caso em que não foi possível estabelecer a origem da fonte de infeccao após a investigação epidemiológica minuciosa. · Caso índice - Primeiro caso ocorrido entre vários casos de natureza similar e epidemiologicamente relacionados, se......

Ver Índice

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...or exemplo, o deslocamento da faixa etária. Para isso, é importante considerar: • a distribuição dos casos confirmados por faixa etária; • a história vacinal dos casos confirmados, segundo número de doses recebidas; • histórias de deslocamento; • outros atributos, tais como: ocupação, escolaridade, etc. Encerramento de Casos Por se tratar de doença em processo de e......

Ver Índice

08/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Raiva

...lisia e morte; • raiva furiosa e morte sem paralisia; • raiva paralítica típica e morte. Obs.: Deve-se ressaltar que um morcego é considerado suspeito de estar infectado com o vírus da raiva quando for encontrado em horário e locais não habituais. Diagnóstico Laboratorial dos Diferentes Animais O diagnóstico laboratorial é essencial tanto para a eleição de estratégias e defini......

Ver Índice

07/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Leishmaniose Visceral

...aúde, profissionais que atenderam o paciente, entre outras), as informações devem ser consolidadas e o caso discutido com todos os profissionais envolvidos, objetivando a adoção de medidas que possam corrigir as deficiências e, conseqüentemente, reduzir a letalidade da leishmaniose visceral. Atenção Todos os supostos óbitos por leishmaniose visceral devem ser investigados. Encerramento ......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Hanseníase

... de controle da hanseníase. Sempre que se fizer necessário, visando à construção e reconstrução do conhecimento e devida compreensão do que é hanseníase, poderá ser feita sua relação com os termos existentes na terminologia popular, adequando-a à clientela. SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS DO DOCUMENTO Consta no documento: “Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução parcial ou total d......

Ver Índice

11/05/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos  (Livre)

...corporais. · Deve-se higienizar as mãos com preparação alcoólica (sob as formas gel ou solução) quando estas não estiverem visivelmente sujas. 1. O vírus da influenza sazonal é rapidamente inativado em 30 segundos após antisepsia das mãos com álcool 70%. 2. Determinados vírus envelopados (ex: herpes simples, HIV, influenza, vírus respiratório sincicial) são susceptíveis ao álcool qua......

Ver Índice

28/06/2009

Revisões

Influenza A (H1N1) - Protocolo de Procedimentos - versão 5

...ectado com o novo vírus Influenza A(H1N1) e o acesso deve ser restrito aos profissionais envolvidos na assistência do mesmo. Imediatamente antes da porta de entrada do quarto ou na antecâmara da unidade de isolamento devem ser disponibilizados: • Equipamentos de proteção individual (EPI) • Mobiliário para guarda de EPI • Condições para higienização das mãos: dispensador de pr......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Difteria

... introdução da antibioticoterapia. O ideal é suspender as medidas relativas às precauções respiratórias somente quando duas culturas de secreções obtidas da narina e da faringe, em meios específicos, forem negativas. Quarto privativo – o paciente com difteria deve ser mantido em aposento exclusivo ou compartilhado por mais de um paciente com o mesmo diagnóstico. A porta do quarto deve ser mantida......

Ver Índice

Página:  de 238

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.