FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Dexmedetomidina" obteve 9 resultados.

Página:  de 1

25/06/2012

Artigos

Dexmedetomidina vs. midazolam ou propofol para sedação em ventilação mecânica

...o midazolam deve ser evitado em casos que necessitem de sedação leve. Devemos lembrar sempre, porém, que boa parte dos pacientes pode ficar sem sedativo contínuo, recebendo apenas analgésicos2. Glossário Teste de respiração espontânea: teste realizado por 30 minutos com o paciente desconectado do ventilador, recebendo apenas oxigênio pelo tubo orotraqueal, ou apenas com parâmetros mínimos no ......

Ver Índice

16/07/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Dexmedetomidina

...ncial durante a gravidez. Amamentação Não se sabe se é distribuído no leite; não amamentar. Não Usar o Produto Crianças menores de 18 anos (eficácia e segurança não estabelecidas). Avaliar Riscos X Benefícios Função renal diminuída; função hepática diminuída; idosos. Reações Mais Comuns (sem incidência definida) GASTRINTESTINAL: náusea; vômito. HEMATOLÓGICO: pressão baixa ou a......

Ver Índice

15/12/2014

Remédios

Dexmedetomidina

... produto ultrapasse 24 horas. Uso injetável – Doses • doses em termos de dexmedetomidina. Atenção: pelos efeitos farmacológicos conhecidos (bradicardia, hipotensão), os pacientes devem ser monitorados continuamente enquanto recebem a dexmedetomidina. Adultos e idosos Dose de carga inicial: 1 mcg/kg, por infusão intravenosa, durante 10 minutos. Dose de manutenção: 0,2 - 0,7 mcg/ kg por hor......

Ver Índice

04/06/2018

Revisões

Outras Técnicas Para Manejo de Vias Aéreas

...IV, titulada para o nível desejado de sedação e tolerância pro-cutânea, é um método eficaz. A dexmedetomidina (Precedex), um bloqueador de receptores a central, foi utilizada com sucesso, isoladamente ou em combinação com benzodiazepínicos, para avaliações de ventilação acordadas. Uma dose típica é de 1mg/kg, IV, infundida durante 5 a 10 minutos. Depois que o paciente é sedado e a anestesia tópi......

Ver Índice

13/09/2018

Revisões

Paciente com Agitação Aguda no Departamento de Emergência

...eve-se obter sinais vitais, um histórico do paciente, bem como realizar um exame físico e obter dados laboratoriais de referência. Psicose, mania, síndromes de abstinência, intoxicação por drogas, delírio ou até mesmo depressão e ansiedade podem causar agitação psicomotora, comportamentos agressivos ou desorientação. Outras causas de agitação aguda incluem efeitos adversos de medicamentos, dor, ab......

Ver Índice

24/08/2018

Revisões

Analgesia e Sedação em Procedimentos no Departamento de Emergência

...cular não são afetadas. Utilizada para pequenos procedimentos. Sedação moderada e analgesia (antigamente chamada de sedação consciente). Objetivo de causar depressão de consciência com o paciente mantendo os olhos fechados; os pacientes respondem aos comandos verbais, sozinhos ou acompanhados de estimulação tátil leve. A retirada do reflexo do estímulo doloroso não é considerada uma resposta p......

Ver Índice

24/02/2017

Revisões Internacionais

Cuidados Neurointensivos

...práticas variem de acordo com a instituição. Por outro lado, a HIC cerebelar costuma ser gerenciada por meios cirúrgicos. As considerações sobre coágulos cerebelares se assemelham às relativas aos edemas relacionados a AVCs. Hemorragia subaracnóidea A HSA aneurismática é uma forma exclusiva de HIC com altos índices de morbidade e mortalidade (taxa de mortalidade de 30 dias de 45%) e fisiopato......

Ver Índice

12/06/2012

Revisões Internacionais

Lesão traumática cerebral – Geoffrey S.F. Ling; William Watson; David F. Moore

...ed with traumatic brain injury, 1979 through 1992. Success and failure. JAMA 1993;273:1778–80. 3. Giacino JT, Zasler ND. Outcome after severe traumatic brain injury: coma, the vegetative state, and the minimally responsive state. J Head Trauma Rehabil 1995;10:40–56. 4. Rimel RW, Giordani B, Barth JT, et al. Disability caused by minor head injury. Neurosurgery 1981;9:221–8. 5. ......

Ver Índice

11/07/2010

Revisões

Pós-Operatório de Cirurgia Cardíaca

...nsuficiência Renal A insuficiência renal é um fator de risco independente para morbidade e mortalidade a curto e longo prazo no pós-operatório de cirurgia cardíaca. A incidência varia entre 2,9 e 7,7%, com um aumento do risco de morte que pode variar de 8 a 27 vezes quando comparado aos pacientes que não desenvolvem insuficiência renal. É interessante notar que o risco permanece elevado mesmo ent......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal