FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Enteroviroses" obteve 13 resultados.

Página:  de 2

12/08/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Sarampo

...ão consideradas amostras oportunas (S1) as coletadas entre o 1º e o 28º dias do aparecimento do exantema. Mesmo que a coleta seja tardia (após o 28º dia) ainda assim deve ser enviada ao laboratório. Os resultados IgM positivo ou indeterminado, independente da suspeita clínica inicial, devem ser comunicados imediatamente à vigilância epidemiológica estadual, para a realização da reinvestigação e c......

Ver Índice

30/05/2010

Revisões

Doenças exantemáticas na infância

... Rocky Mountain spotted fever in family clusters-three states, 2003. MMWR 2004; 53:407-10. 5. Centers for Disease Control and Prevention (CDC). CDC Health Information for International Travel 2008: Yellow Book. Chapter 4- Prevention of Specific Infectious Diseases. 6. Centers for Disease Control and Prevention (CDC). Dengue y dengue hemorragico, 2007. 7. Tomikawa SO, Sakamoto R, ......

Ver Índice

31/05/2009

Biblioteca Livre

Sarampo

...rama de Erradicação, significa falha da vigilância epidemiológica. É fundamental, os exames laboratoriais e a segunda investigação epidemiológica para o correto encerramento do caso. MEDIDAS DE CONTROLE DO SARAMPO Todos os países das Américas estão desenvolvendo ações no sentido de erradicar esta virose. As principais atividades são: a) Vacinação: é a principal medida de controle do sarampo. ......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

sarampo

...Diagnóstico Clínico, laboratorial e epidemiológico. O diagnostico laboratorial mais usado é o ELISA, para detecção de anticorpos específicos IgM e IgG. Atualmente, faz-se também a identificação do vírus que tem como objetivos estabelecer o padrão genético circulante no país, diferenciar os casos autóctones do Sarampo dos casos importados, e diferenciar o vírus selvagem do vírus vacinal. Período p......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

sarampo

...onglomerados urbanos, com epidemias a cada 2 ou 4 anos, dependendo da relação entre o grau de imunidade e a suscetibilidade da população, bem como da circulação do vírus na área. Atualmente, há evidências de interrupção da transmissão autóctone do Sarampo no Brasil. Todos os últimos casos confirmados foram importados da Ásia e da Europa. Entretanto, como a homogeneidade da cobertura vacinal de rot......

Ver Índice

19/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

dengue

...dosagem de albumina sérica, radiografia de tórax (PA, perfil e incidência de Laurell), outros exames conforme necessidade: glicose, ureia, creatinina, eletrólitos, transaminases, gasometria, ultrassonografia de abdome e de tórax D Choque Manifestações hemorrágicas presentes ou ausentes Nos anos de 2001 e 2002, foi detectado um aumento no total de casos de FHD, potencialmente ref......

Ver Índice

19/01/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

dengue

... selvagem envolvendo o macaco. Modo de Transmissão A transmissão se faz pela picada da fêmea do mosquito Ae. aegypti, no ciclo homem ? Ae. aegypti ? homem. Apos um repasto de sangue infectado, o mosquito está apto a transmitir o vírus, depois de 8 a 12 dias de incubação extrínseca. A transmissão mecânica também é possível, quando o repasto é interrompido e o mosquito, imediatamente, se alimen......

Ver Índice

09/03/2009

Revisões

Exantema Febril

... espalham em direção craniocaudal, com tendência a confluência. O diagnóstico é confirmado por sorologia. Rubéola Sinais e sintomas prodrômicos da rubéola são mais comuns em adolescentes e adultos. Em crianças, os pródromos são raros, e muitas vezes a infecção é subclínica (em até 50% dos casos). Os sinais e sintomas que antecedem o rash incluem: febre baixa, cefaleia, conjuntivite, dor de g......

Ver Índice

09/03/2009

Revisões

Exantema Febril

...Dermatology. 2. ed. London: Mosby; 2003. 10. Schachner LA, Hansen RC. Pediatric dermatology. 3. ed. London: Mosby; 2003. Exantema Febril Luciana Moura Gori sarampo rubéola eritema infeccioso exantama súbito mononucleose infecciosa dengue HIV agudo farmacodermia escarlatina síndrome do choque tóxico doença de Kawasaki doença de Still leptospirose febre tifoide sífilis secundária roséola dengue exa......

Ver Índice

03/07/2009

Guias Livres do Ministério da Saúde

Febre Maculosa Brasileira

... os locais prováveis de infecção; • recomendar e adotar medidas de controle e prevenção. Definição de Caso Suspeito Paciente com febre de início súbito, mialgia e/ou prostração intensa, podendo haver um ou mais dos seguintes sinais e sintomas: • cefaléia; • exantema maculopapular, que surge por volta do terceiro a quinto dia de evolução, atingindo, inclusive, palmas das ......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal