FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Estomago Doenca Ulcerosa Peptica – Duodenal e Gastrica" obteve 10 resultados.

Página:  de 1

06/12/2013

Revisões

Estômago: doença ulcerosa péptica – duodenal e gástrica

... em tábua, além de ar intraperitoneal ao exame de imagem. Já na hemorragia, o paciente manifesta hematêmese ou melena, alterações hemodinâmicas e anemia. Saciedade, incapacidade de ingerir alimentos, náuseas, vômitos e perda de peso são formas de apresentação de obstrução do esvaziamento gástrico. Diagnóstico Clínico O diagnóstico clínico fundamenta-se em sinais e sintomas apresentados pelo ......

Ver Índice

25/05/2015

Revisões

Dispepsia e Helycobacter Pylori

...efluxo, ao potencial ácido do conteúdo do refluído gástrico, do poder tamponante da saliva e da capacidade de clareamento ácido do esôfago. Assim algumas doenças que afetam de maneira intensa a anatomia da região da cárdia e do esôfago distal como, por exemplo, a hérnia de hiato e a disfunção muscular do esôfago distal da dermatomiosite determinam um maior risco de doença de refluxo. A saliva, a m......

Ver Índice

19/01/2009

Revisões

Dispepsia e Helycobacter pylori

...era péptica Diabete mellitus Antiinflamatórios Refluxo gastroesofágico Tireoidopatias Antibióticos orais Doença biliar Hiperparatireoidismo Digital Gastrite e duodenite Alterações eletrolíticas Teofilina Pancreatite Isquemia coronariana Neoplasia Colagenoses Disabsorção Síndrome de Cushing Doenças infiltrativas ......

Ver Índice

26/01/2012

Revisões Internacionais

Doença ulcerosa péptica

...grandes quantidades de gastrina na circulação. Níveis de gastrina sérica elevados promovem a liberação de histamina pela ação nos receptores para colecistocininaB (CCKB) e gastrina, que estão localizados nas células gástricas tipo enterocromafina (ECL). A histamina age nos receptores H2 nas células parietais e principais para aumentar a secreção de ácido clorídrico (HCl) e pepsina. Úlceras por......

Ver Índice

06/11/2012

Revisões Internacionais

Sangramento gastrintestinal – Elizabeth Rajan

...nce on gastropathy, gastric varices and variceal recurrence. J Hepatol 26:826, 1997 52. Laine L, el-Newihi HM, Migikovsky B, et al: Endoscopic ligation compared with sclerotherapy for the treatment of bleeding esophageal varices. Ann Intern Med 119:1, 1993 53. Sclerotherapy for actively bleeding esophageal varices in male alcoholics with cirrhosis. Veterans Affairs Cooperative Variceal Scl......

Ver Índice

19/09/2017

Revisões

Gastrinoma

...rinomas ectópicos foram encontrados em locais como o ovário. Tratamento O objetivo do manejo clínico é controlar as manifestações clínicas da síndrome de Zollinger-Ellison, podendo ser controlada a secreção ácida com o uso dos inibidores das bombas de prótons como omeprazol em dose inicial de 60mg/dia, esomeprazol em dose inicial de 120mg/dia com objetivo de limitar a secreção ácida para &......

Ver Índice

12/07/2016

Revisões

Hemorragia Digestiva Alta Secundária à Úlcera Péptica

...o antiplaquetário de aspirina tem a duração de cerca de cinco dias e o risco de hemorragia precoce na úlcera recorrente é elevada nos primeiros três dias; assim, pode ser razoável retornar a aspirina no dia 4 tanto para minimizar o sangramento quanto para riscos trombóticos, embora alguns pacientes possam receber as plaquetas ativas em transfusão de sangue total. Os pacientes em tratamento antip......

Ver Índice

24/06/2014

Revisões Internacionais

Motilidade gastrintestinal e distúrbios funcionais

...Séries de casos relataram resultados positivos promovidos pelo biofeedback em até 70% dos casos de IF. As principais metas do biofeedback são a melhora das seguintes funções: compressão voluntária do esfíncter anal, sensibilidade anorretal e treino de coordenação. Outras opções, como a irrigação retal, fraldas, tampões anais e bandagens, podem ser úteis para pacientes irresponsivos ao biofeedback.......

Ver Índice

19/06/2009

Casos Clínicos

Úlcera Péptica

...ampola com 250 mg, 500 mg e 1 g, suspensão com 125 e 250 mg /5 mL). A amoxicilina tem características semelhantes à ampicilina com relação à composição química e espectro de ação. Apresenta absorção oral mais efetiva, levando à permanência de concentrações séricas duas vezes maior que a ampicilina. A meia-vida da droga é de 1 hora, com índice de ligação às proteínas plasmáticas de 17% e elimi......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...12 horas, durante 5 dias, combinada a sulfato de quinina 2 g, por via oral, a cada 12 horas, durante os primeiros 3 dias, e primaquina 45 mg, por via oral, em dose úncia, no 6º dia. Aspectos farmacocinéticos clinicamente relevantes t Não têm absorção prejudicada por alimentos. t Pico plasmático: 2 horas. t Meia-vida de eliminação: 15 a 24 horas. t Metabolismo: parcialmente inativado no t......

Ver Índice

Página:  de 1

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal