FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Eletrocardiograma 1" obteve 329 resultados.

Página:  de 33

05/10/2008

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 1

...; 6- QRS com morfologia de BRE com R>30ms em V1 ou V2: QR, QS ou R monofásicos em V6; 7- QRS com morfologia de BRD, monofásico ou bifásico em V1 ou relação R/S em V6 < 1 ou QS, QR ou R puro em V6. Sinais indicativos de taquicardia supraventricular com aberrância: 1- Término ou lentificação com manobra vagal; 2- Início com onda P prematura; 3- Intervalo RP < 10......

Ver Índice

21/10/2008

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 2

...s e amplitude > 1mm à sobrecarga esquerda). A etiologia mais comum da estenose mitral é a febre reumática, doença endêmica no Brasil e em populações de baixa renda. As alterações fisiopatológicas vistas na estenose mitral se caracterizam por: espessamento, fusão comissural e encurtamento das cordoalhas do aparelho valvar. Tais alterações promovem uma diminuição da mobilidade dos fo......

Ver Índice

24/11/2008

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 3

...ção pelo nó AV e na fibrilação atrial a freqüência cardíaca pode ser muito alta (>300) por condução 1:1 do átrio para o ventrículo. Nestas freqüências os estímulos atriais podem atingir o ventrículo num período vulnerável, levando a fibrilação ventricular e morte súbita.Assim, o tratamento da FA com WPW é a ablação da via acessória. Caso 10 Caso 10 (Livre) Eletrocardiograma: qual......

Ver Índice

17/11/2008

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 4

...ência ventricular rápida com QRS alargado. Porém, ao aplicarmos os critérios de Brugada não verificamos que seja de origem ventricular. Como Diferenciar: Taquicardia Ventricular X Taquicardia Supraventricular com Aberrância. Sinais indicativos de TV: 1- Batimentos de fusão ou captura; 2- Dissociação AV; 3- Desvio do QRS para esquerda; 4- Complexos QRS concordantes para ......

Ver Índice

19/04/2010

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 6

...e de HIS. A forma mais comum de taquicardia juncional, chamada não paroxística, tem freqüência cardíaca entre 70 e 120bpm e está associada a condições clínicas que podem ser sérias, como intoxicação digitálica, pós-operatório de cirurgia cardíaca, hipocalemia, isquemia miocárdica, doença pulmonar obstrutiva crônica e miocardite. Há geralmente associação AV um para um; quando há toxicidade digitáli......

Ver Índice

29/07/2013

Artigos

Eletrocardiograma normal em pacientes com síncope

...cardiograma normal na entrada não têm nenhuma alteração estrutural ao ecocardiograma; isto significa que tal este exame pode ser excluído da avaliação destes casos. Sendo assim, o maior foco é excluir arritmias e doença coronariana aguda. Obviamente este é um único estudo, de caráter retrospectivo, mas que abre um espaço para a discussão extensa que existe sobre a condução que deve ser proposta em......

Ver Índice

05/05/2014

Casos Clínicos

Alteração de eletrocardiograma em intoxicação

...documentado em muitos relatos de casos, mas não há estudos controlados envolvendo seres humanos. Bibliografia Spodick DH. Normal sinus heart rate: sinus tachycardia and sinus bradycardia redefined. Am Heart J 1992; 124:1119. Spodick DH, Raju P, Bishop RL, Rifkin RD. Operational definition of normal sinus heart rate. Am J Cardiol 1992; 69:1245. Love JN, Howell JM, Litovitz TL, Klein-Schwartz......

Ver Índice

12/05/2014

Casos Clínicos

Eletrocardiograma de um maratonista: qual o achado?

...os atriais não atingem os ventrículos. Wenckebach descreveu um atraso progressivo entre as contrações atrial e ventricular, com a ocorrência de eventual falha de um batimento atrial para alcançar os ventrículos. Mobitz posteriormente dividiu os BAVs de 2o grau em dois subtipos, conforme determinado pelos achados no eletrocardiograma (ECG). No caso do BAV de 2o grau do tipo I, o interval......

Ver Índice

20/06/2014

Casos Clínicos

Eletrocardiograma - Dispneia súbita durante esforço físico

...uas (válido para todas as derivações que não sejam V2-V3); - Para V2-V3, a elevação do ponto J deve ser = 0,2 mV em homens = 40 anos; = 0,25 mV em homens <40 anos; ou = 0,15 mV em mulheres. Quanto à avaliação de risco neste caso, pelo escore TIMI, que prediz mortalidade em 30 dias após IAM (Tabela 1), este paciente tem TIMI 6, o que confere uma mortalidade de 16%. Tabela 1 – Esc......

Ver Índice

19/04/2010

Casos Clínicos

Eletrocardiograma 5

... Interpretação 1- FC- 44 bpm; 2- PR- 0,20 ms; 3- QRS- >170 ms; 4- QTC- 520 ms; 5- Eixo- 70 graus; 6- alterações difusas da repolarização ventricular com inversão de onda T 7- alargamento do QRS devido a um entalhe final (deflexão positiva) denominado de onda J de Osborn, entre o término do QRS e o início do segmento ST; 8- Bradicardia sinusal. Diagnóstico Eletroca......

Ver Índice

Página:  de 33

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal