FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Vacina Triplice" obteve 40 resultados.

Página:  de 4

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Tríplice Bacteriana contra Difteria, Tétano e Coqueluche (DTP)

...cina tetravalente (DTP + HiB) aos 2, 4 e 6 meses de idade, seguido de dois reforços com a vacina tríplice bacteriana (DTP), aos 15 meses e entre 4 e 6 anos de idade. EFEITOS ADVERSOS1,4,6,386,389 • Inflamação, linfangite e abscesso estéril no local da injeção. • Cefaléia, mal-estar, sonolência, irritação e anorexia. • Neuropatia, convulsões (febris e afebris), encefalite, enc......

Ver Índice

04/04/2010

SEÇÃO A – MEDICAMENTOS USADOS EM MANIFESTAÇÕES GERAIS DE DOENÇAS

Vacina Tríplice Viral contra Sarampo, Rubéola e Caxumba (SRC)

...l ou qualquer outro desinfetante para limpar o local da injeção, deve-se esperar que o mesmo evapore, pois pode ocorrer inativação da vacina viva. ATENÇÃO: Pode ocorrer anafilaxia após a administração da vacina e, por essa razão, deve-se sempre ter disponível epinefrina para administração imediata. Pacientes com imunodeficiência de moderada a grave, incluindo administração de terapia imuno......

Ver Índice

07/08/2015

Artigos

Vacina Tríplice Viral Não Tem Ligação com Autismo

...ais velhos terem DEA. Estes resultados indicam que não há nenhuma associação prejudicial entre a recepção da vacina MMR e DEA mesmo entre as crianças já em maior risco de DEA por conta dos irmãos mais velhos. Portanto, está bem demonstrado que não deve haver medo de autismo e condições correlatas por conta da vacina MMR. Bibliografia Jain A et al. Autism occurrence by MMR vaccine status among......

Ver Índice

24/06/2009

Biblioteca Livre

CAPÍTULO 4 – Sistema de Vigilância Epidemiológica de Eventos Adversos Pós-vacinais

...tina-se aos serviços de rotina de imunização, com os seus recursos habituais. Não é impositiva, devendo ser adaptada às circunstâncias operacionais e à experiência e treinamento de cada grupo. Manifestações Locais Podem ocorrer após a aplicação de qualquer vacina. Os casos de abscesso geralmente encontram-se associados com infecção secundária e erros na técnica de aplicação. Notificação e......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...s mesmo do nascimento. A presença de anticorpos IgM específicos para Rubéola no sangue do recém-nascido e evidencia de infeccao congênita, haja vista que esse tipo de imunoglobulina não ultrapassa a barreira placentária. Os anticorpos IgM podem ser detectados em 100% das crianças com SRC, até o 5o mês; em 60%, entre 6 a 12 meses; e em 40%, de 12 a 18 meses. Raramente são detectados após o 18o mês.......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

Rubéola e Síndrome da Rubéola Congênita

...suspensão de seu uso, pela possível inadequação da resposta; vigência de doenca aguda febril grave, atribuída ou confundida com possíveis efeitos adversos da vacina. Investigação Epidemiológica · Objetivos – Obter informações detalhadas e uniformes para todos os casos suspeitos de Rubéola, com o preenchimento da ficha de investigação epidemiológica; visitar imediatamente o domicilio para ......

Ver Índice

11/02/2015

Remédios

Vacina Contra Difteria, Tétano e Coqueluche

... que já tiveram coqueluche (nesse caso, usar a vacina dupla infantil); doença do sistema nervoso central; doença grave febril; encefalopatia progressiva; epilepsia não controlada; gravidez, AMAMENTAÇÃO. Avaliar riscos x Benefícios história familiar de convulsões; suspeita de doença neurológica; distúrbios de coagulação sanguínea. Reações que podem ocorrer (sem incidência definida) Gastri......

Ver Índice

02/09/2009

Biblioteca Livre

7 Imunizações

... doses com intervalos mínimos de dois meses com um reforço aos 15 meses. Para as crianças com mais de 15 meses, fazer somente uma dose; 3 – Vacina contra a Hepatite B (recombinante ) – três doses sendo as duas primeiras com intervalo mínimo de um mês e a terceira, seis meses após a primeira; 4 – Vacina contra o Streptpcoccus pneumoniae – polissacáride – uma ......

Ver Índice

02/08/2010

Medicamentos Injetáveis - Utilização Segura

Vacina contra Difteria, Tétano e Coqueluche

...la pertussis (que causa a coqueluche). COMO SE USA Uso Injetável ADMINISTRAÇÃO: Via Intramuscular. USO INJETÁVEL – DOSES Crianças Aos 2 Meses, 4 Meses e 6 Meses de Idade · 1º reforço com 15 meses de idade. · 2º reforço com 5 a 6 anos de idade. · Com 15 anos de idade, e a partir daí a cada 10 anos, reforços com a vacina dupla, difteria e tétano (DT) para adultos. C......

Ver Índice

01/03/2011

Guias Livres do Ministério da Saúde

sarampo

...18 dias antes do aparecimento dos sinais e sintomas). - Clínico: quando se fez a suspeita clínica, mas não houve coleta de amostra para sorologia, não foi investigado ou evoluiu para óbito sem a realização de qualquer exame laboratorial. A confirmação apenas clínica do Sarampo representa uma falha grave do sistema de vigilância epidemiológica. · Descartado - Todo paciente considerado co......

Ver Índice

Página:  de 4

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.