FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Plaquetopenia Induzida Por Heparina" obteve 18 resultados.

Página:  de 2

Aulas

Plaquetopenia Induzida por Heparina

...plaquetopenia induzida por heparina......

Conteúdo em vídeo

Aulas

Plaquetopenia Induzida por Heparina

...Plaquetopenia Induzida por Heparina......

Conteúdo em vídeo

14/03/2016

Revisões

Abordagem e Investigação das Plaquetopenias

...ém pode ocorrer nesse cenário. O consumo aumentando de plaquetas ocorrem também por trombos e hemangiomas gigantes ou na CIVD e microangiopatias trombóticas. A PTI é a causa mais comum de plaquetopenia grave em pacientes assintomáticos. Um diagnóstico presuntivo de PTI é realizado quando história, exame físico e dados laboratoriais não sugerem um diagnóstico alternativo. Apenas um hemograma compl......

Ver Índice

14/03/2014

Revisões

trombocitopenia

...nte apresenta plaquetopenia grave devido a sangramentos ativos. Deve-se considerar que as transfusões são restritas nesses pacientes se não houver clara indicação, em decorrência da aloimunização, que pode complicar a realização de um transplante de medula óssea quando indicado. Leituras Recomendadas Cines DB, Bussel JB, Liebman HA, Luning Prak ET. The IPT syndrome: pathogenic and clinical d......

Ver Índice

11/11/2015

Biblioteca Livre

C

...ssupressores. – insuficiência hepática (ver Apêndice C) e renal (ver Apêndice D). – crianças (não utilizar diluentes que contenham álcool benzílico). – lactação (ver Apêndice B). t Monitorar cuidadosamente os níveis hematológicos (pode ser necessário interromper o tratamento se a contagem de plaquetas for inferior a 100.000/mm3 ou a de granulócitos for inferior a 1.000/mm3).......

Ver Índice

28/04/2011

Artigos

Dalteparina vs. Heparina em Pacientes Críticos

... foram diferentes quanto à prevenção de TVP proximal em pacientes internados em UTI. Houve uma diferença em favor da dalteparina na prevenção de TEP, mas com uma redução de apenas 1% no risco absoluto, o que significa um NNT de 100 para prevenir um evento. A aplicação clínica desta pequena diferença deve levar em conta o conforto do paciente (uma injeção vs. duas) e o custo (bem maior com a daltep......

Ver Índice

13/04/2012

Artigos

Heparina de baixo peso molecular e mortalidade em pacientes clínicos

...concentrados de hemácias, queda da hemoglobina maior que 2 g/dL, necessidade de intervenção cirúrgica ou sangramento retroperitoneal, intracraniano ou intraocular) durante o tempo de tratamento. Foram incluídos 8.307 pacientes, com média de idade de 65 anos e mediana do tempo de internação de 9 dias. A mortalidade em 30 dias foi de 4,9% no grupo enoxaparina e 4,8% no grupo placebo (p=0,83). As mo......

Ver Índice

10/09/2014

Revisões

Embolia pulmonar

...igoroso principalmente de membro dominante (síndrome de Paget-Schroetter). Entretanto, o risco de TEP da TVP em veia axilar ou subclávia parece ser menor do que o de TVP iliofemoral, ocorrendo em cerca de 10 a 15% dos pacientes, embora o risco de TEP fatal seja baixo.4 O principal achado é o edema do membro afetado. Em geral, o diagnóstico é realizado por meio de ultrassonografia venosa de compres......

Ver Índice

27/03/2015

Revisões

Coagulação Intravascular Disseminada

...fibrinogenemia com valores < 100 mg/dl, têm como opção a transfusão de 8-10 U de crioprecipitado, caso estes valores sejam maiores que 100 mg/dl mas TP e TTPA alargados significativamente deve ser considerado o uso de plasma fresco congelado. Para reposição de outros fatores de coagulação é indicado 1 a 2 U de Plasma Fresco Congelado (PFC) ou 15 ml/Kg de peso de PFC. Pode ser necessário repet......

Ver Índice

13/08/2009

Revisões

Identificação Clínica e Tratamento das Síndromes  Trombofílicas

...alidade comprometida. A mutação homozigótica da proteína C culmina com púrpura fulminante neonatal, podendo levar à morte. Cerca de 60% da proteína S plasmática circula na forma inativa (ligada à proteína C4b), sendo que apenas 40% apresentam-se com atividade de cofator da proteína C (proteína S livre). Torna-se possível, então, identificar três tipos de deficiência: o tipo I, que corresponde a ......

Ver Índice

Página:  de 2

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal