FECHAR
Feed

Já é assinante?

Entrar
Filtrar

Veja também o resultado via

Exibir resultados de:

Filtrar por:

Resultados de Busca

Sua busca por "Glicemia Capilar em dm Tipo 2" obteve 46 resultados.

Página:  de 5

22/03/2009

Casos Clínicos

Insulinoterapia

...entes no basal é de 100, a dose prandial é 5U de insulina R, a correção pode ser feita conforme esquema considerando a glicemia capilar pré-prandial e o fator de correção de 1U para 50 mg/dL. Tabela 3: dose de insulina a ser administrada antes das refeições de acordo com a glicemia pré prandial Glicemia capilar (mg/dL) Dose de insulina prandial (U) Dose de insulina para correção......

Ver Índice

10/04/2019

Revisões

Insulinoterapia em Pacientes com Diabetes Mellitus do Tipo 2

...única diária de uma das insulinas NPH ou insulina detemir, usada antes de dormir, ou insulina glargina administrada de manhã ou à hora de dormir é um esquema inicial razoável. Se hipoglicemia noturna ou hipoglicemia sintomática ocorre em pacientes que tomam insulina NPH ao deitar, o ideal é ajustar a dose ou mudar para a insulina glargina. A duração da ação da insulina detemir parece ser mais cu......

Ver Índice

19/04/2009

Revisões

Manejo da Hiperglicemia no Diabetes tipo 2. Diretrizes da ADA e AEED

...l comprovado, são consideradas como drogas de segunda escolha, permanecendo as insulinas regular e NPH como primeira escolha no manejo do paciente com diabetes tipo 2. Abaixo, o algoritmo da ADA e AEED para a insulinização no paciente com diabetes tipo 2. Algoritmo 2: Início e ajuste do esquema de insulina. Os esquemas de uso de insulina devem ser ajustados levando-se em conta os hábitos de v......

Ver Índice

23/02/2009

Casos Clínicos

Dissecção de Aorta

...iente. A dissecção aguda de aorta é relativamente rara, embora apresente alto potencial de letalidade. A dissecção da aorta sempre deve ser considerada como possibilidade em pacientes com dor torácica no serviço de emergência, se apresentando com dor torácica abrupta e de forte intensidade em 73% dos casos, com característica principalmente de pontadas agudas. A dissecção de aorta pod......

Ver Índice

22/08/2009

Revisões

Abordagem Ambulatorial Sumarizada do Paciente  com Diabetes Melito

...mento do pé diabético A mais terrível complicação da neuropatia diabética é a úlcera neuropática. É também a mais facilmente prevenível, sendo a razão mais comum para se internar um paciente diabético nos Estados Unidos. É responsável por mais de 60% das amputações não traumáticas naquele país. São fatores de risco para desenvolvimento de úlcera em pé diabético: • neuropatia periférica......

Ver Índice

08/12/2014

Revisões

Emergências hiperglicêmicas

... Eventualmente os pacientes podem aparecer com estado misto entre cetoacidose e estado hiperosmolar. Os pacientes com estado hiperosmolar podem apresentar cetonúria discreta, mas não o bastante para causar acidose. Achados laboratoriais Além dos exames óbvios como a glicemia e a gasometria arterial, que definem ou não a presença de cetoacidose, assim como a dosagem de sódio para mensuração ......

Ver Índice

16/03/2017

Revisões

encefalopatia hepática

...a glicemia capilar e proteção de vias aéreas, oxigênio se o paciente apresenta hipoxemia, monitorização e obtenção de acessos venosos calibrosos. Em pacientes sem história prévia de EH não tem indicação de realização de profilaxia primária, caso os pacientes apresentem episódios recorrentes de EH pode ser indicado o uso de medicações para profilaxia secundária da EH e deve-se considerar transplan......

Ver Índice

02/04/2019

Revisões

encefalopatia hepática

...ática se deteriora. No entanto, o que ocorrem, muitas vezes, são episódios recorrentes de EH de uma lista conhecida de fatores precipitantes. Se um fator precipitante pode ser controlado, tais como infecções recorrentes ou hemorragias de varizes, a recorrência não pode ser um risco, e a terapia com EH pode ser interrompida. Aproximadamente, 75% dos pacientes com EH sofrem de desnutrição proteico-......

Ver Índice

16/05/2014

Revisões Internacionais

sepse

...uncia um prognóstico desfavorável.26 O atual interesse na administração de inibidor da via do fator tecidual, proteína C ativada e antitrombina III para tratar a sepse é baseado no potencial valor terapêutico da regulação do sistema de coagulação nesta condição. Um estudo clínico de fase 3, em que 1.690 pacientes foram tratados com proteína C ativada humana recombinante (drotrecogina-alfa ativada......

Ver Índice

11/07/2010

Revisões

Pós-Operatório de Cirurgia Cardíaca

...presentam risco aumentado de complicações/mortalidade pelo aumento do risco de parada cardiorrespiratória, sangramento gastrointestinal, coagulação intravascular disseminada, alterações neurológicas e falências orgânicas. A função miocárdica geralmente diminui nas primeiras horas após a cirurgia cardíaca, principalmente pela ocorrência de lesões de isquemia e reperfusão, apresentando, na maioria ......

Ver Índice

Página:  de 5

Índice

Conecte-se

Feed

Sobre o MedicinaNET

O MedicinaNET é o maior portal médico em português. Reúne recursos indispensáveis e conteúdos de ponta contextualizados à realidade brasileira, sendo a melhor ferramenta de consulta para tomada de decisões rápidas e eficazes.

Medicinanet Informações de Medicina S/A
Av. Jerônimo de Ornelas, 670, Sala 501
Porto Alegre, RS 90.040-340
Cnpj: 11.012.848/0001-57
(51) 3093-3131
info@medicinanet.com.br


MedicinaNET - Todos os direitos reservados.

Termos de Uso do Portal

×
×

Em função da pandemia do Coronavírus informamos que não estaremos prestando atendimento telefônico temporariamente. Permanecemos com suporte aos nossos inscritos através do e-mail info@medicinanet.com.br.